Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288041
Type: TESE
Title: Perfil dos usuários do tratamento regular e urgência no serviço público bucal no município de Embu, SP
Title Alternative: Profile of the regular and urgency users in a public health service, Embu, SP
Author: Pires, Olga Maria Dias Agostinho, 1964-
Advisor: Sousa, Maria da Luz Rosario de, 1965-
Abstract: Resumo: Estimou-se o perfil dos usuários do tratamento regular e urgência no serviço público de saúde bucal no município de Embu, em adultos, participantes do Levantamento Epidemiológico realizado em 2008, constituindo-se em um estudo transversal de base populacional, composta por pessoas de 35 a 44 anos (n=345), provenientes dos setores censitários, selecionadas através de amostragem probabilística. A amostra deste estudo foi examinada e entrevistada nos domicílios. O desfecho foi ser usuário do serviço público odontológico para tratamento regular ou atendimento de urgência. As variáveis independentes foram: agravos bucais (índice CPOD, condição periodontal: índice CPI e PIP, necessidade de prótese); condições socioeconômicas (renda familiar, aglomeração domiciliar, número de filhos, escolaridade); condições demográficas (sexo, estado civil, cor da pele); hábitos (uso de cigarros); utilização dos serviços (tempo da última consulta odontológica, informações sobre como evitar problemas bucais); percepção dos problemas bucais (dor de dente nos últimos seis meses, percepção de necessidade de tratamento e se sua situação bucal afeta relacionamentos). Para análise estatística foi utilizado o programa EPIINFO6 e STATA10, empregando-se análise bivariada dos usuários de serviço de saúde público odontológico em relação às variáveis independentes, utilizando razões de prevalência (RP), com respectivos intervalos de confiança de 95% (IC95%), ajustados para modelos complexos de amostragem com ponderação populacional. Ser usuário do serviço público para tratamento regular ou urgência representou 53% da amostra, sendo que o restante era usuário do serviço privado, convênio ou serviço filantrópico. O gênero feminino foi mais prevalente no uso do serviço público, [RP=1,33; IC95%: (1,14-1,54)]. O maior número de filhos também foi mais prevalente no uso do serviço [RP=1,15; IC95%: (1,01- 1,31)]. A aglomeração domiciliar [RP=1,88; IC95%: (1,42-2,50)] e menor renda familiar [RP=2,23; IC95%: (1,33-3,66)], mostraram-se fortes preditores no uso do serviço público, assim como o relato de dor nos últimos 6 meses [RP=1,43; IC95%: (1,06-1,42)], considerar que a condição bucal afeta os relacionamentos [RP=1,31; IC95%: (1,05-1,62)], e ser fumante ou ex fumante [RP=1,61; IC95%: (1,15-2,24)]. Este estudo mostrou associação ao uso do serviço público o baixo nível econômico, considerando o princípio da Equidade no Sistema Único de Saúde, este requisito vem sendo cumprido

Abstract: It was estimated the profile of users of regular and emergency treatment in the public oral health in the city of Embu, in adults, participants of an epidemiological survey conducted in 2008, thus becoming a cross-sectional study population comprised people aged 35 to 44 years (n=345), through probability sampling, people were examined and interviewed in their homes. The outcome was to be a user of public dental treatment for regular or emergency care. The independent variables were: dental caries (DMFT, periodontal condition: CPI index and PIP, need for prostheses, need for treatment), socioeconomic (family income, household crowding, number of children, schooling), demographic conditions (gender, civil status, skin color), habits (cigarette smoking), use of services (time of last dental visit, information on preventive oral health), perception of oral health problems (toothache in the last six months, feels that she needs treatment considers that the oral situation affects relationships). For statistical analysis program was used and EPIINFO6 STATA10, using bivariate analysis of users of public dental health service for the independent variables, using prevalence ratios (PR) with confidence intervals of 95% (CI95%) adjusted for complex sampling designs weighted population. Being a user of public emergency or for regular treatment represented 53% of the sample, the remaining user of the service was private, or philanthropic service agreement. Females were more prevalent in the public service use, with PR=1.33; CI95%: (1.14-1.54). The greatest number of children was also more prevalent in service use PR= 1.15; CI95%: (1.01-1.31). The household crowding PR= 1.88; CI95%: (1.42-2.50) and lower family income RP=2.23; CI95%: (1.33-3.66), were strong predictors in the use of public service, the report pain in the last 6 months PR=1.43; CI95%: (1.06-1.42), considering that the oral condition affects relationships PR=1.31; IC95%: (1.05-1.62), being a smoker or former smoker PR=1.61; CI95%: (1.15-2.24). This study showed an association between the use of public service and the low economic level, considering the principle of Equity in Health System, this requirement has been fulfilled
Subject: Acesso aos serviços de saúde
Odontologia sanitária
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pires_OlgaMariaDiasAgostinho_M.pdf1.61 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.