Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288032
Type: TESE
Degree Level: Mestrado
Title: Motivação, esforço e recompensa = aspectos relacionados à equipe de trabalho em uma Unidade Básica de Saúde
Title Alternative: Motivation, effort and reward : staff-related aspects in a Health Basic Unit
Author: Hyppolito, Mayra Cristina de Campos Prado, 1978-
Advisor: Sousa, Maria da Luz Rosário de, 1965-
Abstract: Resumo: O objetivo deste estudo foi de realizar um diagnóstico situacional das motivações, necessidades para maior motivação, esforço/recompensa e supercomprometimento da equipe de trabalho de uma Unidade Básica de Saúde de modelo tradicional, como proposta de incentivo às competências dos funcionários para as novas práticas de saúde preconizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Dois questionários foram aplicados a todos os funcionários (n=50) da Unidade Básica de Saúde de um município de pequeno porte da região de Piracicaba, Estado de São Paulo, Brasil. O primeiro questionário identificou as motivações e necessidades para maior motivação desta equipe de saúde com o trabalho que realizava, e os dados obtidos foram descritos e relacionados à Teoria das Necessidades de Maslow. O segundo questionário utilizado foi a versão resumida, validada e adaptada para o português do modelo DER (Desequilíbrio Esforço-Recompensa), que identificou dois aspectos: o (des)equilíbrio entre o esforço e recompensa no trabalho e o supercomprometimento com o trabalho. Os funcionários foram divididos entre quem "fazia atendimento ambulatorial" (n=31) e "não fazia atendimento ambulatorial" (n=19). Os dados obtidos foram analisados pela estatística descritiva e pelo teste do qui-quadrado (p<0,05). Os grupos apresentaram semelhanças na motivação pela segurança, e necessidades (para maior motivação) de estima e pelas sociais. Aspectos diferentes como tendência a maior supercomprometimento com o trabalho no grupo que "não faz atendimento" também foram encontrados. A atenção do gestor aos dados obtidos poderia facilitar a motivação e o bom comprometimento da equipe com as diretrizes do SUS

Abstract: This study aimed to obtain a situational diagnosis of the motivations, needs, effort/reward, and overcomitment experienced by staff members of a traditional Health Basic Unit, as a means to foster the new health practices recommended by the Brazilian Public Health System. All the staff working at the Health Basic Unit of a small town in the region of Piracicaba, State of São Paulo, Brazil (n=50) answered two questionnaires. The first questionnaire identified the staff¿s motivations and needs for motivation and the data obtained were related to Maslow's theory of needs. The second questionnaire used was the resumed Portuguese version of Effort- Reward Imbalance model ( ERI), that identified aspects such as effort, reward, and overcomitment, that means higher risk of stress. For data analysis, the workers were divided into two groups¿employees that treated outpatients (n = 31) and employees that did not treat outpatients (n = 19). The groups were equally motivated for security and also showed esteem and social needs for higher motivation. On the other hand, only employees that did not treat outpatients showed that they had the need to prevent stress. Taken together, these data could aid the manager in boosting staff¿s motivation and commitment with the Brazilian Public Health System guidelines
Subject: Saúde pública
Motivação
Estresse
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Hyppolito_MayraCristinadeCamposPrado_M.pdf1.26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.