Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287982
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito do meloxicam sobre o extravasamento plasmatico induzido pelo oleo de mostarda na ATM de ratos
Author: Arsati, Franco
Advisor: Veiga, Maria Cecília Ferraz de Arruda, 1953-
Abstract: Resumo: Estudos têm demonstrado que aproximadamente 20 a 30% da população adulta irá sofrer algum tipo de disfunção temporomandibular (DTM). Entretanto pouco se sabe a respeito dos mecanismos envolvidos com a inflamação e com a dor inflamatória que acompanham as DTMs. Em vista disso, HASS et aI. (1992) desenvolveram um modelo específico para o estudo do processo inflamatório agudo em A TM de ratos. Os autores demonstraram que a administração intra-articular do agente inflamatório e estimulante de fibra - C, Óleo de Mostarda (OM), induz um extravasamento plasmático (EP) quantificável na articulação temporomandibular. Entretanto não se conhece a contribuição dos metabólitos do ácido araquidônico no EP induzido pelo OM nesse modelo experimental de inflamação. Assim sendo, o objetivo desse trabalho foi o de testar o efeito da administração intraperitoneal (IP) do meloxicam sobre o EP induzido pelo OM. A inflamação foi induz ida, em três grupos de ratos anestesiados,' através da administração de 20~l' de OM nas concentrações de 20%, 2,5% e 0,5%, respectivamente. Para quantificar o EP, foi utilizado a técnica do corante azul de Evans. O antiinflamatório meloxicam ou salina (controle), foram administrados sistemicamente (IP) 2 h antes da administração do OM. O meloxicam na dose de 22 mglkg foi ineficaz em reduzir o EP induzido pelo OM nas concentrações de 20 e 2,5%. Entretanto, quando a inflamação foi induzida pelo OM a 0,5% e o meloxicam administrado na dose de 22 mg/kg, houve uma significativa (p<O,05) redução do EP (média + desvio padrão, 27,85 + 3,94) comparado cOm o grupo controle (43,21 :t 4,84).padrão, 27,85 :t 3,94) comparado com o grupo controle (43,21 :t 4,84). Os resultados obtidos demonstram que: 1) O OM nas concentrações de 20 e 2,5% não deve ser utilizado para o estudo de antiinflamatórios nesse modelo experimental de inflamação, sendo que a concentração de 0,5% é mais apropriada para tal objetivo. 2) As prostaglandinas estão envolvidas na inflamação neurogênica induzida pelo OM

Abstract: Little is known about the mechanism(s) involved in both initiation and maintenance of inflammation and inflammation - related pain within the temporomandibular joint (TMJ). Thus, HASS et aI. (1992), developed an orofacial model of acute inflammation in the rat. They showed that application of the small fiber excitant and inflammatory irritant mustard oil (MO) to the temporomandibular joint (TMJ) induces plasma protein xtravasation. However, relatively little is known about the contribution of eicosanoids (prostaglandins) to the plasma protein extravasation induced by MO. The purpose of this study was to test the effect of intraperitoneal (IP) administration of meloxicam on the plasma protein extravasation induced by MO. Inflammation was induced, in three indiyidual groups, by the intra-articular administration of 20 JlI of 20%, 2,5% and 0,5% MO, respectively. Plasma protein extravasation was measured by the Evans blue method. Meloxicam or saline (control) were given (IP) 2 hours before the administration of MO. Even in high dose (22 mg/kg), meloxicam did not have inhibitory effect on the protein plasma extravasation induced by 20% and 2,5% MO. On the other hand, when the inflammation was induced by 0,5% MO, the pretreatment with meloxicam induced a significant (p<0,05) reduction in the plasma protein extravasation (mean :I:: S.E.M; 27,85 ::I: 3,94) compared with the control (43,21 ::I: 4,84).These results demonstrated that 1) 0,5% MO is more appropriate than 20% or 2,5% to the study of anti-inflammatory drugs in this model of inflammation and that 2) prostaglands are involved in the MO-induced protein plasma extravasation
Subject: Articulação temporomandibular
Anti-inflamatórios
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1999
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Arsati_Franco_M.pdf1.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.