Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287958
Type: TESE
Title: Sinais e sintomas de disfunção temporomandibular em crianças na faixa etaria de 8 a 12 anos e analise dos aspectos da deglutinação e da fala
Title Alternative: Sign and symptoms of temporomandibular disorders in children aged 8 to12 years and swalllowing evaluation
Author: Pizolato, Raquel Aparecida, 1976-
Advisor: Gavião, Maria Beatriz Duarte, 1955-
Abstract: Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar as funções de deglutição e fala em crianças na faixa etária de 8 a 12 anos com diagnóstico de desordem temporomandibular (DTM) e presença ou ausência de sinais ou sintomas de DTM. A amostra foi composta por 152 crianças (78 meninos e 74 meninas, idade média 10,05± 1,39 anos) de duas escolas públicas de Piracicaba. Os sinais clínicos foram avaliados através do Research Diagnostic Criteria for Temporomandibular Disorders (RDC/TMD) (eixo I) e os sintomas subjetivos por um questionário. Os seguintes grupos foram formados: Grupo DTM (n=40), Grupo sinais e sintomas de DTM (S e S, n=68), Grupo sinais ou sintomas de DTM (S ou S, n= 33) e Grupo sem sinais e sintomas de DTM (N, n=11). Foram realizados exames intra-oral e extra-oral das estruturas orofaciais, verificando dentes, língua, frênulo lingual, lábio e músculo mentual. Para a avaliação da deglutição foi utilizado alimento líquido (água) e sólido (pão francês padronizado tamanho 2 cm de largura e 2 cm de altura), observando-se as seguintes alterações: participação da musculatura perioral, contração do músculo mentual, interposição de lábio inferior, interposição de língua anteriormente e lateralmente aos arcos dentários, pressionamento lingual e movimento de cabeça. Para a avaliação da fala, em situação espontânea, foram utilizadas as 5 figuras temáticas do protocolo de avaliação fonológica de Yavas. Utilizou-se uma lista de 40 palavras foneticamentebalanceadas para avaliação da fala pela repetição. Os movimentos mandibulares durante a fala foram avaliados visualmente. A fala foi gravada em áudio para análise da transcrição fonética e fonológica. Os dados foram analisados pela estatística descritiva, teste do Quiquadrado e Exato de Fischer com nível de significância de 5%. A análise dos resultados mostrou que não houve diferença estatisticamente significante na proporção de crianças com deglutição alterada entre os grupos. As crianças com deglutição normal não apresentaram alteração das estruturas orofaciais. Na amostra com deglutição anormal, a proporção de crianças com tônus de lábios flácidos, tônus do mentual rígido e hipofunção de língua foi estatisticamente menor no grupo sem sinal e sintoma de DTM em relação aos outros grupos. Em relação às características da oclusão, somente a sobressaliência excessiva (=4 mm) esteve presente em proporção significantemente maior em crianças dos grupos DTM e S e S com padrão de deglutição anormal. As alterações na fala foram mínimas entre os grupos e não estiveram associadas com DTM e sinais e/ou sintomas de DTM. Na avaliação dos movimentos mandibulares durante a fala não foram observados desvios de lateralidade e somente 4 crianças apresentaram redução de amplitude vertical. Concluiu-se que na amostra estudada não houve associação entre alteração da deglutição e fala com DTM e sinais e/ou sintomas de DTM

Abstract: The aim of this study was to evaluate the functions of swallowing and speech in children aged from 8 to 12 years old with temporomandibular disorders (TMD) and presence or absence of the signs and/or symptoms of TMD. The sample comprised 152 children (78 boys and 74 girls, mean age 10.05±1.39 years). The clinical signs were evaluated using the RDC/TMD (axis I) and the symptoms, using a questionnaire. The following groups were formed: Group TMD (n=40), signs and symptoms of TMD (Group S and S, n=68), signs or symptoms of TMD (Group S or S, n=33) and without signs and symptoms (Group N, n=11). Intra- and extra-oral exams of the orofacial structures were performed: teeth, tongue, lingual frenum, lips, mentalis muscle. For the swallowing assessment, solid and liquid foods were used, observing the following alterations: orbicularis oris muscle contraction, mentalis muscle contraction, lower lip thrust, anterior and lateral tongue thrust, tongue pressure and head movements. For speech evaluation in spontaneous situations, 5 pictures of the Yavas¿ protocol were used. A list of 40 phonetically balanced words was also applied to evaluate speech repetition. The mandibular movements during the speech were visually evaluated. Speech was recorded in audio to analyze the transcribed phonetic and phonological emissions. The data were analyzed by descriptive statistics, Fisher exact or Qui- square test (a=0.05). Analyses of the results showed no statistically significant difference in the proportion of children with abnormal swallowing pattern among groups. The children with normal swallowing did not show alterations of the orofacial structures. In the sample with abnormal swallowing there was a statistically significant lower proportion of children with weak lip tonus, strong mentalis muscle tonus and hypofunction of the tongue in the group without signs and symptoms of TMD, than there was in the other groups. With regard to the characteristics of occlusion, excessive overjet (=4mm) was present in a significantly higher proportion in children of the groups TMD and S and S with abnormal swallowing. The few alterations in speech showed no association with TMD and signs and/or symptoms of the TMD. In evaluation of the mandibular movements during speech, no lateral deviations were observed and only 4 children showed reduction of vertical amplitude. It was concluded that in the studied sample there were no associations between swallowing or speech alterations and TMD and signs and/or symptoms of TMD
Subject: Articulação temporomandibular
Maloclusão
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pizolato_RaquelAparecida_M.pdf3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.