Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287918
Type: TESE
Title: Iodo povidine associado a instrumentação periodontal no tratamento de lesões de bifurcação : avaliações clinica e bioquimica
Title Alternative: Providone-iodine used as an adjunct to non-surgical treatment of furcation involvements
Author: Ribeiro, Erica Del Peloso
Advisor: Casati, Márcio Zaffalon, 1973-
Abstract: Resumo: O objetivo do presente estudo foi avaliar a ação de uma solução de iodo povidine (PVP-I), associada à raspagem e alisamento radicular, no tratamento de lesões de bifurcação. Foram selecionados 44 pacientes com pelo menos um molar com lesão de bifurcação classe II, em face livre, profundidade de sondagem ³ 5 mm e sangramento à sondagem. Os pacientes foram divididos aleatoriamente em 2 grupos: grupo controle - raspagem e alisamento radicular com ultra-som e água destilada como solução refrigerante; grupo teste - raspagem e alisamento radicular com ultra-som e PVP-I 10% como solução refrigerante. Foram avaliados os seguintes parâmetros clínicos: índice de placa (IP), sangramento à sondagem (SS), posição da margem gengival (PMG), nível clínico de inserção relativo (NICr), profundidade de sondagem (PS) e nível clínico de inserção horizontal relativo (NICHr). A avaliação bioquímica da atividade de enzimas tipo tripsina no biofilme subgengival foi feita pelo teste BAPNA. Os parâmetros descritos acima foram avaliados antes do tratamento, 1, 3 e 6 meses após. Ambos os grupos apresentaram médias semelhantes de redução da PS, ganho de NICr e de NICHr. Aos 6 meses, esses valores foram, respectivamente, 2,31 mm, 1,17 mm e 1,00 mm no grupo controle e 2,31 mm, 1,23 mm e 1,02 mm no grupo teste (p>0,05). Diferença estatisticamente significante também não foi observada entre os grupos quanto ao número de sítios que ganharam 2 mm ou mais de inserção. Aos 6 meses, os grupos controle e teste apresentaram, respectivamente, 45,16% e 30,77% das áreas com ganho de inserção = 2 mm. Na comparação entre os grupos quanto ao SS das lesões de bifurcação aos 6 meses e à quantidade de áreas que exigiram retratamento no 3° mês foi encontrado p=0,06, favorecendo o grupo teste. O teste BAPNA não detectou diferença entre os grupos, entretanto, foi observada diferença intra-grupo, indicando redução na atividade de enzimas do tipo tripsina. Pôde-se concluir que o PVP-I, usado como adjunto da instrumentação periodontal traz benefícios clinicamente significantes ao tratamento de lesões de bifurcação classe II, em faces livres

Abstract: The aim of this randomized single-blind controlled clinical trial was to evaluate the effect of topically applied povidone-iodine (PVP-I), used as an adjunct to non-surgical therapy of furcation involvements. Forty-four patients presenting at least one class II furcation involvement that bled on probing, in bucal or lingual surfaces, with probing pocket depth ³ 5 mm were recruited. Patients were stratified into 2 treatment groups: subgingival instrumentation by an ultrasonic device using PVP-I (10%) as the cooling liquid (test group); identical treatment using distilled water as the cooling liquid (control group). The following clinical outcomes were evaluated: plaque index, bleeding on probing (BOP), position of the gingival margin, relative attachment level (RAL), probing pocket depth (PPD) and relative horizontal attachment level (RHAL). BAPNA test was used to analysis the trypsin-like activity in dental biofilm. The clinical and biochemical parameters were evaluated at baseline and 1, 3 and 6 months after therapy. Both groups had similar means of PPD reduction and RAL and RHAL gain. At 6 months, these variables were, respectively, 2.31 mm, 1.17 mm and 1.00 mm in the control group and 2.31 mm, 1.23 mm and 1.02 mm in the test group (p<0.05). No differences were observed in terms of the frequency distribution of sites demonstrating RAL gain ³ 2 mm. The comparison between groups on BOP of the furcation sites, at 6 months and on the number of sites referred for re-treatment at 3 months showed better values in the test group (p=0.06). The results of BAPNA test failed to demonstrate significant differences between groups. The use of topically applied PVP-I with subgingival instrumentation may provide additional clinical significant benefits to the treatment of class II furcation involvements
Subject: Dentes - Forqueadura - Raizes
Assistência odontológica
Iodo
Periodontite
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ribeiro_EricaDelPeloso_M.pdf1.75 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.