Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287812
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Relation between digit ratio (2D:4D) and Hodgkin's lymphoma
Title Alternative: Relação entre proporção digital (2D:4D) e linfoma de Hodgkin
Author: Ferreira Filho, José Laurentino, 1990-
Advisor: Jorge Junior, Jacks, 1962-
Abstract: Resumo: Estudos sugerem que a proporção digital pode ser utilizada como marcador putativo para a exposição pré-natal a hormônios sexuais e como marcador da expressão de genes HOX. Genes homeobox controlam a organogênese e a formação corporal durante a embriogênese, além de ter importante papel na regulação da hematopoiese. Há indicações de que a perda ou o ganho de função dos genes homeobox está associada com o desenvolvimento de neoplasias malignas. Dessa forma a proporção digital (2D:4D), que está relacionada com ação desses genes, pode ser utilizada como marcador putativo para eventos carcinogênicos. Este estudo investigou a proporção digital (2D:4D) em indivíduos com Linfoma de Hodgkin e em grupo controle. Foram avaliados 140 indivíduos (70 com linfoma de Hodgkin e 70 controles sem a doença) com idades entre 19 e 78 anos, pareados por idade e gênero. Fotografias das mãos direita e esquerda foram realizadas por um único examinador e medidas digitalmente. Os dados foram analisados estatisticamente utilizando o teste t de Student, ANOVA e correlação de Pearson. Os resultados mostraram que não houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos Linfoma de Hodgkin e controle, tanto para o grupo masculino quanto feminino (p=0,88 e p=0,33), respectivamente. Também não houve influência da proporção digital sobre o estadiamento clínico. Este estudo não demonstrou a correlação da proporção digital com o desenvolvimento ou o estadiamento clínico do Linfoma de Hodgkin. Estes achados não confirmaram, por meio da avaliação do 2D:4D, a influência dos genes HOX sobre o linfoma de Hodgkin. Estudos adicionais sobre a relação entre a proporção digital e a prevalência ou gravidade de cânceres influenciados pelos genes HOX são necessários para esclarecer o envolvimento da exposição in útero aos hormônios sexuais nestas patologias

Abstract: Studies suggest that the digital proportion can be used as a putative marker for prenatal exposure to sex hormones and as a marker expression of HOX genes. Homeobox genes control organogenesis and body formation during embryogenesis. They have an important role in the regulation of hematopoiesis. Studies confirm that loss or gain of function of homeobox genes is associated with development of malignancies. Thus, digit ratio, which is related to action of these genes, can be used as putative marker for carcinogenic events. This study investigated digit ratio in individuals with Hodgkin's lymphoma and in a control group. A number of people - 70 with Hodgkin¿s lymphoma and 70 without the disease - aged 19 to 78, matched for age and gender, were evaluated. Photographs of the right and left hands were taken by single examiner and digitally analyzed. Data was statistically analyzed using T Student test, ANOVA and Pearson's correlation coefficient. Results showed no statistically significant difference between Hodgkin's lymphoma and control groups for both male and female individuals (p = 0.88 and p = 0.33), respectively. There was also no influence of digit ratio on clinical staging. This study showed no correlation between proportion of digital development and clinical staging of Hodgkin¿s lymphoma. These findings did not confirm, by means of 2D: 4D analysis, the influence of HOX genes effect on Hodgkin's Lymphoma. Additional studies on digital proportion and prevalence or severity of cancers influenced by HOX genes are needed to clarify the involvement of the in utero exposure to sex hormones on these pathologies
Subject: Doença de Hodgkin
Language: Multilíngua
poreng
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
FerreiraFilho_JoseLaurentino_M.pdf1.3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.