Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287792
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Implicações das atividades tecnologicas de subsidiarias de empresas multinacionais para a constituição de capacidades inovativas de fornecedores na industria automotiva brasileira
Title Alternative: Implications of technological activities of subsidiaries of multinational companies for the building up of suppliers' innovation capabilities in the Brazilian automotive industry
Author: Quintão, Rubia Auxiliadora Constancio
Advisor: Carvalho, Ruy de Quadros, 1953-
Abstract: Resumo: Neste trabalho, buscou-se investigar se o crescimento e fortalecimento das atividades de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) das subsidiárias brasileiras de empresas multinacionais (MNCs), na indústria automobilística brasileira, tem levado ao envolvimento de seus fornecedores localizados no Brasil em atividades tecnológicas e resultado em sua maior capacitação tecnológica. A tese se vale do quadro conceitual desenvolvido por Lall (1992) a respeito do processo de aquisição de capacidades de inovação das empresas industriais em países em desenvolvimento, bem como de sua taxonomia para classificar os tipos e níveis dessas capacidades. A contribuição das relações entre fornecedores e clientes da indústria automotiva para a aquisição de capacidades inovativas pelos fornecedores é estudada a partir dos conceitos de tipos de vínculos de aprendizado entre empresas, desenvolvidos por Ariffin e Bell (1999). A tese analisa os resultados da investigação das trajetórias percorridas por empresas de autopeças, dispostas em cinco grupos, segundo seus processos de acúmulo de capacidades tecnológicas. Procurou-se identificar quais são os tipos de vínculo de aprendizado que empresas subsidiárias clientes (montadoras e sistemistas) estabelecem com seus fornecedores (nacionais ou subsidiárias de MNCs), e sua contribuição para o desenvolvimento das capacidades inovativas desses fornecedores. Procurou-se também entender se e como os vínculos com instituições, como universidades e institutos de pesquisa, contribuíram para a aquisição de competências para inovar dos fornecedores de autopeças. A metodologia privilegiou estudos de caso, focados no detalhamento dos eventos inovativos mais expressivos - inovações tecnológicas específicas, de maior alcance em cada empresa - liderados por subsidiárias brasileiras de montadoras ou por produtores de autopeças locais. Para cada inovação, buscou-se identificar a participação dos diversos atores da cadeia de inovação, bem como, a qualidade e intensidade dessa participação e seus efeitos para o aprendizado. Assim, o foco nos eventos inovativos permitiu identificar o grau de capacitação tecnológica alcançado pelas empresas pesquisadas. A amostra compreendeu 6 subsidiárias de multinacionais produtoras de sistemas e autopeças e 8 empresas fornecedoras de autopeças nacionais. Os principais achados sugerem que, efetivamente, o incremento e a intensificação de atividades de P&D de MNCs automotivas no Brasil gera demanda por atividades tecnológicas nos fornecedores locais e contribui para seu progresso em termos de aquisição de capacidades tecnológicas. O desenvolvimento das capacidades de inovação dos fornecedores locais refere-se primordialmente a seu envolvimento com o codesenvolvimento de produtos. Apenas nos casos em que as subsidiárias efetivamente se engajam em atividades de pesquisa tecnológica, isso se desdobra no envolvimento de parceiros brasileiros com a criação de novas tecnologias. Por outro lado, a pesquisa também constatou que o incremento das capacidades tecnológicas dos fornecedores locais atua como fator de atração importante nas decisões de investimento em P&D das MNCs em suas subsidiárias brasileiras.

Abstract: The thesis investigates whether the growing and strengthening of Research and Development (R&D) activities performed by Brazilian subsidiaries of multinational companies in the automotive industry has led their suppliers located in Brazil to engage in technological activities, thus resulting in the upgrading in their technological capabilities. The thesis departs from the conceptual framework developed by Lall (1992) and by Bell and Pavitt (1995) respective to the acquisition of innovation capabilities of industrial firms in developing countries. It also makes use of their taxonomy to classify types and levels of such capabilities. The investigation has also focused how the relation between suppliers and customers contributes for the acquisition of innovation capabilities by suppliers. In this connection, it is based on concepts of types of learning links between companies, developed by Ariffin and Bell (1999). The work analyzes the results of the empirical study of the trajectories carried out by autopart companies in Brazil, which have been arranged in five groups, according to their accumulation of technological capabilities. The thesis seeks to identify the types of learning links that customer, subsidiary companies (assemblers and system suppliers) establish with their suppliers (national firms or multinational subsidiaries), and also their contribution to the development of the innovative capabilities of these suppliers. The thesis also seeks to understand whether and how the learning links with institutions - such as universities and research institutes - have contributed to the acquisition of innovation competencies by autopart suppliers. The research methodology was primarily based on case studies, which focused the detailed development of the most significant innovation events in each firm - specific technological innovations which impacted the companies in a larger scale - which have been leaded by Brazilian subsidiaries of local assemblers or of local autopart suppliers. For each innovation event, there was an attempt to identify the involvement of the several actors in the innovation chain, as well as an attempt to identify the quality and the intensity of this involvement and its impact on learning. Thus, the focus on innovation events allowed the identification of the level of technological capability reached by the companies studied. The sample comprised 6 subsidiaries of systems and autopart multinationals and 8 national autopart suppliers. The main findings suggest that improving and intensifying the R&D activities of automotive multinationals in Brazil generates demand for technological activities among local suppliers, besides contributing for their progress in terms of the acquisition of technological capability. The development of innovation capabilities by suppliers is basically related to their involvement in product co-design. Only in the cases in which the subsidiaries are actually engaged in activities of technological research, this leads to Brazilian partners being involved in the creation of new technologies. On the other hand, another finding was that improving the technological capabilities of local suppliers plays an important role in the decisions about R&D investments in Brazilian Subsidiaries of multinational companies.
Subject: Indústria automobilística - Brasil
Automoveis - Peças - Indústria
Empresas multinacionais
Capacitação tecnologica
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: QUINTÃO, Rubia Auxiliadora Constancio. Implicações das atividades tecnologicas de subsidiarias de empresas multinacionais para a constituição de capacidades inovativas de fornecedores na industria automotiva brasileira. 2008. 174 p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências, Campinas, SP. Disponível em: http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/287792. Acesso em: 7 Jul. 2020.
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Quintao_RubiaAuxiliadoraConstancio_D.pdf1.1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.