Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287694
Type: TESE
Title: Proximidade geografica e inovação tecnologica de firmas = uma analise para o segmento produtor de maquinas para calçados da Italia e do Brasil
Title Alternative: Geographical proximity and firms technological innovation : an analysis for the shoe-manufacturing machinery production segment from Italy and Brazil
Author: Ruffoni-Trez, Janaina
Advisor: Suzigan, Wilson, 1942-
Abstract: Resumo: A Tese objetiva contribuir para a compreensão da dinâmica inovativa de firmas que possuem uma organização industrial específica. Essa organização é caracterizada pela proximidade geográfica entre firmas de um mesmo setor e de setores correlatos e instituições constituintes de um Sistema Local de Produção (SLP). Entende-se que, para compreender o processo de geração de inovações tecnológicas de firmas pertencentes a SLPs, é fundamental considerar tanto as características dos elementos internos à firma - que conferem uma compreensão a respeito do quão específico à firma é o processo de inovação - quanto dos elementos externos - relações entre firmas e instituições e fluxos para troca de informações e conhecimentos. Assim, a questão central é: 'quais são e que características têm os elementos influenciadores do processo de geração de inovações tecnológicas de firmas de um mesmo segmento produtivo pertencentes a um Sistema Local de Produção?' Para responder ao problema de pesquisa, optou-se pela realização de uma investigação de campo comparativa entre dois aglomerados do segmento produtor de máquinas para calçados, que são: Vigevano, na Itália, e Vale do Rio dos Sinos, no Brasil. A partir da realização das pesquisas de campo, foi possível observar que as empresas utilizam, de forma bastante intensa, suas estruturas próprias para a realização das atividades de melhoria e desenvolvimento de novos produtos, sendo que não faz parte das suas rotinas o compartilhamento de estruturas com outras empresas ou instituições. A respeito dos elementos internos à firma, é o desenvolvimento do conhecimento especializado dos técnicos que impacta, em grande medida, no processo de geração de inovações tecnológicas. Além dos elementos internos à firma, também receberam importante destaque os elementos externos representados pelas relações informais e verticais estabelecidas entre os produtores de máquinas para calçados e seus clientes e fornecedores. Foi, principalmente, por meio dessas relações que se constatou a importância da proximidade geográfica entre firmas para o processo de mudança tecnológica do setor. Diferentemente do que se supunha, os fluxos de conhecimentos estabelecidos pelas empresas nas relações horizontais e informais são pouco densos, sendo considerados rarefeitos em ambos os aglomerados investigados. Entretanto, igualmente a outros estudos semelhantes, os fluxos de informações e conhecimentos apresentaram dinâmicas distintas, são estabelecidos por grupos específicos de firmas, reforçando a percepção de que o local é formado por um grupo de firmas com comportamentos heterogêneos, e que o conhecimento tecnológico não está "difuso no ar" nem flui livremente entre as empresas. É importante destacar a contribuição dos resultados para desmistificar a supervalorização do local, por meio das relações horizontais interfirmas para troca de conhecimento tecnológico. Não são essas relações que conferem destaque ao papel da proximidade geográfica interfirmas para a geração de inovações tecnológicas, mas sim as relações estabelecidas pela lógica da cadeia produtiva, ou seja, as relações entre clientes e fornecedores. A especialidade tecnológica das firmas, somada à baixa apropriabilidade privada do conhecimento tecnológico existente no setor, desestimula a troca de conhecimento interfirmas do mesmo segmento. Acredita-se que o trabalho aponta para o fato de que as peculiaridades setoriais precisam ser consideradas quando da análise dos elementos influenciadores do processo de geração de inovações tecnológicas de empresas pertencentes a Sistemas Locais de Produção. De outra forma, o trabalho reforça que é fundamental investigar separadamente os fluxos de informação e conhecimento, pois apresentam lógicas distintas, seja pelo grau de densidade que apresentam, seja pelas características dos atores envolvidos

Abstract: This Thesis aims to contribute to the understanding of the innovative dynamics of firms that have a specific industrial organization. This organization is characterized by geographical proximity between firms within the same sector and related industries and institutions constituting the Local Production System (LPS). To understand the innovation process of firms belonging to LPS, it is essential to consider both the characteristics of internal factors to the firm - which give an understanding about how specific to the firm is the innovation process - and the external elements - relationships among firms and institutions and flows to exchange information and knowledge. So the research question is: 'what are the elements and what features they have that influence the innovation process of firms in the same productive sector belonging to a LPS?" To answer the research problem, a field investigation was done comparing two clusters in the shoe-manufacturing machinery segment, namely: Vigevano, Italy, and Vale do Rio dos Sinos, Brazil. Field research results show that companies make an intense use of their own structures for implementing product improvements and for developing new products, and also that they do not routinely share their structures with other companies or institutions. As to the internal components of the firm, the greatest impact in the process of technological innovations comes from the development of specialized knowledge by the firm's technicians. In addition, strong emphasis was also given to the external elements represented by vertical and informal relationships established between the manufacturers of shoe-machinery and their customers and suppliers. Such relationships offer evidence of the importance of geographical proximity among firms in the process of technological change in the industry. Contrary to what was previously assumed, knowledge flows among firms in horizontal relationships are informal and not dense, being considered sparse in both clusters investigated. However, also similar to other studies, the flow of information and knowledge have distinct dynamics and are determined by specific groups of firms, reinforcing the perception that the local is formed by a group of firms with heterogeneous behavior, and that technological knowledge is not "diffuse in the air" or freely flowing between companies. It is important to point out that the results contribute to demystify the usual overvaluation of the local in the horizontal interfirm exchange of technology knowledge. What gives prominence to the role of interfirm geographical proximity for technological innovation are not those relationships, but the relationships established by the logic of the production chain. The technology specialization of firms and the low level of appropriability of technological knowledge in the sector discourage interfirm exchange of knowledge. The results of the research work done in this thesis show strong evidence that sector specifics need to be considered when examining factors influencing the process of technological innovation in firms belonging to LPS. The study also stresses the essential need to investigate separately the flows of information and knowledge, which are fueled by different logics and in which the degrees of density flows and the actors involved are also different
Subject: Máquinas para calçados
Inovações tecnológicas
Calçados - Indústria - Brasil
Calçados - Industria - Itália
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IG - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ruffoni-Trez_Janaina_D.pdf2.54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.