Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287469
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.CRUESPUNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINASpt_BR
dc.identifier(Broch.)pt_BR
dc.descriptionOrientadores : Alvaro Penteado Crosta, Carlos Roberto de Souza Filhopt_BR
dc.descriptionTese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geocienciaspt_BR
dc.format.extent185p. : il.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.languagePortuguêspt_BR
dc.typeTESEpt_BR
dc.titleEstudo de mineralizações de tipo Cu-porfiro do sul do Peru por meio de sensoriamento remoto e aeromagnetometriapt_BR
dc.contributor.authorTapia Calle, Carlos Humbertopt_BR
dc.contributor.advisorCrósta, Alvaro Penteado, 1954-pt_BR
dc.contributor.coadvisorSouza Filho, Carlos Roberto de, 1965-pt_BR
dc.contributor.institutionUniversidade Estadual de Campinas. Instituto de Geociênciaspt_BR
dc.subjectSensoriamento remotopt_BR
dc.subjectAlteração hidrotermalpt_BR
dc.subjectCobre - Minas e mineraçãopt_BR
dc.subjectAndes, Regiãopt_BR
dc.description.abstractResumo: Os Andes são conhecidos por hospedarem um grande número de depósitos minerais, dentre os quais se destacam os do tipo cobre pórfiro. Este é ocaso da porção sul do Peru, onde se localizam três dos mais importantes depósitos deste tipo: Cuajone, Quellaveco e Toquepala. Estes depósitos estão localizados dentro do Oróclino da Bolívia, inseridos nos dominios da zona de cisalhamento de Incapuquio, feição estrutural que controla esse conjunto de mineralizações, que possuem idades em tomo de 60 Ma. Este trabalho fez uso de dados aerogeofisicos (magnetometria) regionais, imagens multiespectrais orbitais de sensoriamento remoto e dados de espectrometria de reflectância para caracterizar, regional e localmente, as mineralizações de cobre pórfiro do Sul do Peru. O objetivo do trabalho foi o de contribuir para o entendimento das características geológicas destes depósitos e o de avaliar a extração de informações a partir de dados de sensoriamento remoto e aerogeofisica, que possam auxiliar nos trabalhos de exploração regional. A análise dos dados geofisicos (aeromagnéticos) indica o posicionamento das áreas mineralizadas em zonas controladas por estruturas distensionais de direção E- W, associadas à tectônica transpressiva regional, de direção NW -SE. As mineralizações posicionam-se numa crosta continental de 60 km de espessura, estando associadas a valores de intensidade magnética entre 0-70nT, aqui interpretados como sendo ocasionados pela perda de magnetização dos minerais constituintes das rochas devido a processos de aquecimento por intrusões ígneas e por esforços tectônicos. O emprego de imagens multiespectrais de sensores remotos propiciou a caracterização espectral dos halos de alteração hidrotermal associados aos depósitos de cobre pórfiro, revelando um zoneamento dos minerais que os compõem. Possibilitou ainda a identificação uma área com assinatura espectral muito semelhante às zonas mineralizadas, denominada de Alvo Sul. Para tal, foram utilizadas técnicas de processamento que permitiram a extração da informação espectral relacionada às assembléias minerais típicas de alteração hidrotermal dos tipos filica e argilica, apesar da reduzida resolução espectral do Landsat- TM. A espectrometria de refletância na porção do espectro infravermelho de ondas curtas possibilitou a identificação detalhada dos minerais produzidos pelos processos de alteração hidrotermal. Este é o caso da ilita tipo 2M, cuja resposta espectral serviu como indicador do zoneamento da alteração no depósito de Quellaveco. Os resultados obtidos atestam a importância e a viabilidade do uso integrado de dados de sensoriamento remoto multiespectral e aerogeofisicos de baixa resolução na definição de áreas potenciais para mineralizações do tipo cobre pórfiro na região Andinapt
dc.description.abstractAbstract: A large number of mineral deposits are known in the Andes, including Cu-porphyry deposits. Among these, Cuajone, Quellaveco and Toquepala are some of the most important in the southern portion of Peru. They are located in the domain ofthe Bolivian Orocline, within the Incapuquio shear zone, a structure that controls the mineralization, ofabout 60 Ma. Airborne magnetic data, multispectral remote sensing images and reflectance spectroscopy were employed in order to characterize the Cu-porphyry deposits of southern Peru. The objective was to contribute toward the understanding ofthe geological characteristics of these deposits and to assess the use of remote sensing and low resolution geophysical data for regional exploration in the Andes. Airborne geophysics indicated that distensional structures of E- W direction control the occurrence of ore bodies, in association with the regional transpressive tectonics in the NW -SE direction. The mineralization occur on a continental crust 60 km deep, associated with magnetic intensities in the range 0-70 nT, which are interpreted as being caused by the loss of magnetization by ferromagnetic minerals due to heating processes linked to the emplacement of igneous intrusions and tectonic movements. The use of multispectral remote sensing data led to the spectral characterization of hydrothermal alteration haloes associated with the Cu-porphyry deposits, revealing their mineral zoning. It also enabled the identification of a spectrally anomalous area, very similar to the mineralized ones, hereby named Alvo Sul. To achieve these results, image processing techniques were employed in order to extract the spectral information related to the mineral assemblages typical of hydrothermal alteration processes, such as phyllic and argillic, despite the low spectral resolution of Landsat-TM. Reflectance spectroscopy in the SWIR allowed the detailed identification of minerals produced by hydrothermal alteration, such as illite 2-M, that was useful as an indicator of alteration zoning in the Quellaveco deposit The results obtained testify the importance and viability of the integrated use of airborne geophysical data and remote sensing in order to define potential areas for Cu porphyry in the Andesen
dc.publisher[s.n.]pt_BR
dc.date.issued2002pt_BR
dc.identifier.citationTAPIA CALLE, Carlos Humberto. Estudo de mineralizações de tipo Cu-porfiro do sul do Peru por meio de sensoriamento remoto e aeromagnetometria. 2002. 185p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociencias, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/287469>. Acesso em: 2 ago. 2018.pt_BR
dc.description.degreelevelDoutoradopt_BR
dc.description.degreedisciplineMetalogenesept_BR
dc.description.degreenameDoutor em Geociênciaspt_BR
dc.contributor.committeepersonalnamePascholati, Elisabete Mariapt_BR
dc.contributor.committeepersonalnameVitorello, Icaropt_BR
dc.contributor.committeepersonalnameCardozo, Miguelpt_BR
dc.contributor.committeepersonalnameXavier, Roberto Perezpt_BR
dc.date.defense2002-11-18T00:00:00Zpt_BR
dc.date.available2018-08-02T10:52:30Z-
dc.date.accessioned2018-08-02T10:52:30Z-
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2018-08-02T10:52:30Z (GMT). No. of bitstreams: 1 TapiaCalle_CarlosHumberto_D.pdf: 7002101 bytes, checksum: fa3d690fa05cf4131949e897c30c14ca (MD5) Previous issue date: 2002en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287469-
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
TapiaCalle_CarlosHumberto_D.pdf6.84 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.