Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287457
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Petrografia e geoquimica dos metassedimentos turbiditicos dos grupos Nova Lima e Sabara no quadrilatero ferrifero, Minas Gerais
Author: Guitarrari, Marcelo Marmo
Advisor: Scharank, Alfonso
Abstract: Resumo: Os metassedimentos elásticos do Grupo Nova Lima (Neo-Arqueano) e Sabará (paleoproterozóico) foram estudados em diversas localidades do Quadrilátero Ferrífero, Minas Gerais, Brasil. Estes estudos tiveram um enfoque comparativo baseado essencialmente em dados petrográficos e geoquímicos, visando o entendimento da evolução crustal operante no limite Arqueano-Proterozóico, e envolveram também considerações sobre a proveniência, o arcabouço tectônico deposicional e os processos geoquímicos e dinâmicos capazes de influenciar a composição química destes sedimentos. Além disso foi possível estabelecer parâmetros para a distinção de turbiditos que hospedam ou não mineralizações auríferas. Os metassedimentos estudados consistiram das couplets turbidíticas, referentes aos níveis Ta-Te de Bouma, equivalentes às Fácies Metagrauvaca-Metapelito respectivamente. De acordo com as metagrauvacas, os turbiditos do Grupo Nova Lima podem ser subdivididos nos tipos I e 11. Os turbiditos do Tipo I ou do tipo Caeté, são mais antigos, fornecendo uma idade mínima de 2.857:t1 M.a., correspondendo às seções da porção leste do Greenstone Belt Rio das Velhas, como Caeté e São Bartolomeu e incluindo eventuais lascas tectônicas do lado oeste, como Rio Acima. Os turbiditos do Tipo 11, também designados de tipo Morro Velho, são mais jovens, com uma idade mínima de 2.701:f:4 M.a e limitam-se à região centro-oeste e noroeste deste greenstone, abrangendo as exposições da Mina de Morro Velho, Sabará e Macacos. As áreas-fonte destes metassedimentos são de natureza bimodal máfica-félsica para os turbiditos do Tipo I e em sua maioria máfica para os do Tipo 11. Com relação ao Grupo Sabará, seus metassedimentos são de origem félsica e as metagrauvacas mostram um comportamento geoquímico similar aquelas do Tipo I. Nestas metagrauvacas nota-se uma maior concentração em SiÜ2, Na20, CaO, Ba, Sr, Nb, à e nas razões de SiO~gO, à/Cr; além de P20S e Th/Sc somente para o Tipo I e MnO e à para o Grupo Sabará, o que se reflete em um maior conteúdo de plagioclásio e quartzo. As metagrauvacas do Tipo 11 por outro lado, são mais ricas em Ti02, K20, Fe203, MgO, Cr, Ni, V, Se, Co, Rb, Y, Cu, Zn e nas razões de Ti/à e Th/U, o que se explica por uma maior abundância em antigos minerais de olivina, piroxênios, Cr-espinélios e subordinadamente magnetita e ilmenita. Este tipo de turbiditos hospeda o principal depósito de ouro do Quadrilátero Ferrífero (Mina de Morro Velho). Os metapelitos arqueanos (Grupo Nova Lima) são aproximadamente similares entre si, não proporcionando uma clara discriminação como nas metagrauvacas, diferente do que ocorre na maioria de outros núcleos arqueanos, onde a discriminação é efetuada pelas rochas pelíticas. Comparativamente aos metapelitos pós-arqueanos (Grupo Sabará), eles são mais ricos em Ti02, F~03, MgO, CaO, K20, Cr, Ni, V, Cu, Zn e mais pobre em Si02, Na20, MnO, à, Nb, Y

Abstract: The elastie metassediments ofNova Lima (Late Archean) and Sabará (paleoproterozoie) were studied in several places around Quadrilátero Ferrífero, Minas Gerais, Brazil. These studies had a" comparative foeus through petrographie and geochemistry data, in order to understand the crusta1 evolution operating in the Archean-Proterozoie boundary, and also involving eonsiderations about the provenance, the depositional tectonie ftamework and the geochemica1 and dynamie processes capable of ebanging the ehemica1 composition of these sediments. Moreover, it was possible to establish parameters to distinguish turbidite-hosted gold sequences and barren turbidites. The metassediments studies inc1uded the turbidite eouplets, eoncerning the Ta-Te levels of Bouma, equivalent ofMetagraywaeke-Metapelitie Facies respectively. According to the metagraywaekes, the turbidites ofthe Nova Lima Group eould be divided into types I and 11. The turbidites ofType I, or Caeté type, are older, with a minimum age of 2.857:tl M.a, equivalent to sections of the eastem portion of the Rio das Velhas Greenstone, as Caeté and São Bartolomeu and ineluding some eventual tectonie wedges ofthe westem portion, sueh as Rio Acima. The turbidites ofType 11, also ca1led MOITO Velho type, are younger, yielding a minimum age of 2.701:t4 M.a and restricted to the mid-westem and north-westem regions of the greenstone belt, including the exposures ofMolTO Velho Mine, Sabará and Macacos. The source areas ofthese sediments are ofthe mafic-felsie bimodal nature to the turbidites ofType I and mainly mafie of Type ll. As to the Sabará Group, its metasediments are of felsie origin and the metagraywaekes present a similar geochemica1 behavior to those of Type I. These metagraywackes are rieher in Si02, Na20, CaO, Ba, Sr and in the SiO:z/MgO rate, in addition to P20S and Th/Se only for Type I and MnO and 'h: for Sabará Group, whieh is reflected in larger eontents of plagioclase and quartzo On the other band, the metagraywacke ofType 11 show a higher levei concentration ofTiÜ2, K20, F~J, MgO, Cr, Ni, V, Se, Rb, Co, Y, Cu, Zn and on the Ti/'h:, 'h:/Cr and ThIU rates whieh is explained by an increased abundance of old minerais of olivine, piroxenes, Cr-spinel and minor magnetite and ilmenite. This type of turbidites host the major gold deposit ofthe Quadrilátero Ferrífero (the Morro Velho Mine). The arehean metapelites (Grupo Nova Lima) are approximately similar within themselves, not providing a c1ear distinction as in metagraywackes, unlike what happens in the majority of other arehean nuc1eus, where the distinction is effected by pelitie roc1es. In comparision with the post-archean metapelites (Griupo Sabará), they are rieher in TiÜ2, F~OJ, MgO, CaO, K20, Cr, Ni, V, Cu, Zn and poorer in Si02, Na20, MnO, 'h:, Nb, Y
Subject: Petrologia
Geoquímica
Metalogenia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1999
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Guitarrari_MarceloMarmo_M.pdf5.32 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.