Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287363
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Relações entre a neotectonica e o coluvionamento no Municipio de Atibaia (SP)
Title Alternative: Relationship between neotectonics and colluvial deposits in Atibaia County (SP-Brazil)
Author: Monteiro-da-Costa, Paulo Sergio
Advisor: Vitte, Antonio Carlos, 1962-
Abstract: Resumo: A presente pesquisa se insere no âmbito da história geomorfológica cenozóica do Sudeste do Brasil, em áreas de domínio do cristalino proterozóico, dentro da Província Geomorfológica do Planalto Atlântico do Estado de São Paulo. Partindo de uma abordagem pluridisciplinar, correlacionamos indícios e evidências de fenômenos paleoambientais, e estabelecemos relações entre as atividades neotectônicas do Quaternário e as formações superficiais argilosas alóctones, contíguas nas colinas da área urbana e periurbana do município de Atibaia, tipicamente representadas por LATOSSOLOS Vermelho Amarelos. O estudo discute duas vertentes interpretativas para os referidos depósitos: como partes de uma mesma seqüência deposicional pedimentar plio-pleistocênica, envolvendo alternâncias climáticas e dissecada pela rede de drenagem recente, ou como resultado de diferentes situações deposicionais e retrabalhamentos, relacionados a reativações quaternárias de fallias geológicas presentes na área. Por meio do uso de perfis topográficos, análise de perfis de rios, anomalias de drenagem realçadas pela relação entre declividades e extensões de cursos (RDE-trecho), determinações granulométricas dos depósitos e determinação geocronológica por Termoluminescência (TL) e Luminescência Opticamente Estimulada (LOE), é possível mostrar muitas evidências de movimentações quaternárias e retraballiamento dos depósitos. Sem excluir a primeira hipótese, os resultados suportam a segunda interpretação acima citada, conduzindo nossas conclusões para a ocorrência de neotectônica cenozóica até o Pleistoceno Superior

Abstract: The present research is ambiented at the Cenozoic geomorphological history of the Southeastem Brazil, in the Proterozoic crystalline domain, inside the geomorphological province of the Planalto Atlântico, in State of São Paulo. Starting from a multidisciplinary approach, we correlated signs and evidences of palaeoenvironmental phenomena and stabilished relationships between the Quaternary neotectonic activities and the allochthonous clay texture superficial deposits, contiguous on the hills of urban and periurban areas of Atibaia County, typically represented by Oxisols (Typic Acrorthox). This study discuss two distinct interpretations for the refered deposits: like parts of the same depositional pliocenic-pleistocenic pedimental sequence, involving climatic changes and peneplanation by the recent drainage net, or as result of different depositional sequences and reworks, related to Quaternary geological faults reactivations in the area. Using topographic profiles, stream-profiles analysis, drainage anomalies enhanced by Hack's stream-gradient index of sections, soil granulometric determinations and absolute age determination by termoluminescence (TL) and optically stimulated luminescence (OSL), we could show many signs of Quaternary movements and reworks of the deposits. Without exc1uding the first hypothesis, the results support the second interpretation cited above, leading our conc1usions to the occurrence of Cenozoic neotectonics until Upper Pleistocene
Subject: Geomorfologia
Drenagem
Neotectonica
Coluvio - Atibaia (SP)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MONTEIRO-DA-COSTA, Paulo Sergio. Relações entre a neotectonica e o coluvionamento no Municipio de Atibaia (SP). 2005. 2v. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociencias, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/287363>. Acesso em: 4 ago. 2018.
Date Issue: 2005
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Monteiro-da-Costa_PauloSergio_M.pdf12.86 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.