Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/287100
Type: TESE
Title: Estanho : aspectos do setor produtivo no mundo 1970-1987
Author: Alves, Ananelia Marques
Advisor: Chaves, Arthur Pinto, 1946-
Abstract: Resumo: Entre os depósitos de estanho em produção no mundo destacam-se os do norte do Brasil e os do Sudeste da Ásia, a partir da Indonésia até a Birmânia. Os ela Austrália, da China, da URSS, e da Bolívia, na parte oriental dos Andes, são também importantes. Cinco países, Bolívia, Brasil, Indonésia, Malásia e Tailândia responderam em 1987 por 78,28% da produção,mundial. A maiôs parte do estanho produzido nos países subdesenvolvidos ou em desenvolvimento é consumido pelos países industrializados de economia de mercado . Entre países, os EUA e o Japão são os maiores consumidores de estanho. Apenas o consumo destes dois países supera o da CEE. O estanho tem o seu maior uso na fabricação de folhas ¿de- flandres, utilizados, principalmente, em embalagens para alimentos e bebidas. Nos últimos anos, o consumo de folhas ¿de- Flandres diminui, assim como a quantidade de estanho usada na produção de tais chapas. A solda é outro importante uso final do estanho. Diferente da industria de folhas ¿de-Flandres há uma tendência de aumento do consumo de estanho devido ao crescimento deste setor. O estanho tem uma diversidade muito ampla na aplicação na industria química. Grande parte do crescimento neste setor resultou do aumento em compostos organo estânicos.A partir de 1936, as principais nações produtoras e consumidoras de estanho, como membros do ITC (Conselho Internacional de estanho), firmaram uma série de acordos, válidos por cinco anos, como o objetivo de estabilizar a oferta e prevenir a extrema flutuação de preços. O ultimo acordo, firmado encerrou-se em 1985, quando o ITC esgotou seus recursos financeiros para operar no mercado. O preço do estanho no mercado internacional é determinado pelas cotações do metal nas bolsas que fornecem sua cotação diária: London Metal Exchange, Kuala Lumpur Tin Market e New York Commodity Exchange.No Brasil, cinco grupos econômicos, Paranapanema, Brascan/British Petroleum, Brumadinho, Rhône-Poulenc e Best responderam em 1987 por 96,06% da produção nacional de estanho, sendo que só a Paranapanema contribuiu com 70,84% dessa produção

Abstract: World tin mining is important in Northern Brazi1 and Southeast Asia, from Indonesia to Burma. Australia, China, URSS, and Bolivia are also important sources.In 1987 five countries, Bolívia, Brazil, Indonesia, Malaysia and Thailand produced 72,28% of the total world tonnage. The industrialized market economy countries consume the greater part of the tin, which is produced in the developing or underdeveloped countries. Among those countries, USA and Japan are the most important comsumers, the consumption of both countries is bigger than the comsumption of the European Economic Comunity. Major tin use is for the tinplate manufacture, which end-use are cans and containers for food and drinks. Tinplate in recent years trends downward as the comsumption of tin per ton of tinplate declined. Solder is another important end-use of t in. Unlike the tinplate industry there a trend of increasing tin consumption this sector. Tin has a far extremely wide diversity of applications in the chemicals market. Most of the growth in the chemicals is a result of the increased demand of organotin compounds. Since 1956, most of the major producing and comsuming nations, as members of the International Tin Council (ITC), have entered into a series of 5-year agreement with the purpose of stabilizing supply and preventing wide price fluctuations. The last agreement, subscribed in 1982, was extinguished in 1985, when the ITC bankrupted. Tin price in international market is determined by the three markets: London Metal Exchange, Kuala Lumpur Tin Market and New York commodity Exchange, which provide daily quotations. In 1987 the most important tin economic groups in Brazi1, Paranapanema, 8rascan/British Petroleum, Brumadinho, Rhône Poulenc, and Best produced 96,06% of the total output. Paranapanema was the responsible for 70,84% of this figure
Subject: Estanho - Comércio
Estanho - Indústria
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1989
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Alves_AnaneliaMarques_M.pdf4.97 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.