Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286986
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: A motivação de empresas para o licenciamento de tecnologias universitárias : o caso da UNICAMP
Title Alternative: Firms¿ motivations for licensing University¿s technologies : the case of UNICAMP
Author: Russano, Vanessa Sensato, 1979-
Advisor: Bonacelli, Maria Beatriz Machado, 1962-
Abstract: Resumo: A dissertação expõe a experiência da Unicamp na gestão da inovação concentrando a análise na motivação de empresas a buscarem a universidade para licenciar tecnologias desenvolvidas no âmbito acadêmico. O objetivo é analisar o que motiva as empresas brasileiras a licenciarem tecnologias desenvolvidas na universidade, quais são as expectativas dessas empresas quanto à cooperação com a universidade e se o licenciamento está respaldado por algum tipo de estratégia de inovação da empresa, envolvendo a complementação ou a substituição de atividades internas de pesquisa e desenvolvimento (P&D). Para tanto foi aplicado um questionário junto a 44 empresas licenciadas a comercializar tecnologias desenvolvidas na Unicamp. Estas 44 empresas correspondem a 51 contratos de licenciamento assinados entre os anos de 2004 e 2010, período no qual a Agência de Inovação Inova Unicamp já se constituía como órgão responsável pela gestão da inovação na Unicamp. Foi observado que as motivações para o licenciamento de tecnologias são bastante convergentes quando comparadas a outros tipos de parcerias universidade-empresa. Entretanto, alguns fatores específicos foram destacados como objeto de interferência negativa nas parcerias, como a expectativa da empresa de que a universidade atue como substituta de etapas importantes no processo de inovar, como no desenvolvimento complementar da tecnologia e na promoção das tecnologias licenciadas. Empresas com a estratégia de substituir suas ações de P&D internas por meio do contrato com a universidade geralmente se frustram com os resultados apresentados, enquanto aquelas que buscam a complementaridade em projeto de parceria em P&D têm mais chances de obter resultados positivos no decorrer da interação. Avalia-se, portanto, que empresas não familiarizadas com o processo de inovação, tal como as que não possuem como estratégia o estabelecimento de estrutura para o desenvolvimento e a comercialização das tecnologias licenciadas, não constituem parceiras adequadas para o licenciamento de tecnologias universitárias. Por outro lado, também é resultado desta pesquisa a identificação de empresas que possuem "DNA de inovação". Independentemente do tamanho destas empresas, o fato de que sua estratégia de negócio está centrada em produtos e processos genuinamente inovadores constitui característica importante para a parceria, uma vez que da perspectiva da universidade novos conhecimentos e linhas de pesquisa podem surgir como resultado da cooperação. Cabe destacar que a escolha da empresa licenciante se demonstrou como uma das atividades mais importantes no escopo de atuação de um NIT, especialmente no Brasil, onde a falta de estrutura e experiência de P&D junto às empresas constitui um elemento de impacto negativo na constituição de parcerias de cooperação universidade-empresa

Abstract: This paper presents the experience of Unicamp in innovation management, focusing in the analysis of firm's motivations to license technologies developed within academia. The goal is to analyze what motivates Brazilian companies to license technologies developed at the university, what are the expectations of those companies within the cooperation with the university and whether licensing is backed by some type of innovation strategy of the company, involving the completion or replacement of internal activities of research and development (R&D). Therefore we applied a questionnaire to 44 companies licensed to commercialize technologies developed at Unicamp. These 44 companies represent 51 licensing contracts signed between the years 2004 and 2010, during which the Inova Unicamp Innovation Agency was already responsible for the innovation management at Unicamp. It was observed that motivations for the licensing of technologies are similar to those of other types of university-industry partnerships. However, some specific factors were highlighted as object of negative interference in partnerships, such as the company's expectation that the university will substitute important steps in the process of innovation, as the further development of technology and promotion of licensed technologies. Companies with the strategy of replacing its shares of internal R&D through the contract with the university often are frustrated with the results, while those who seek complementarity in the partnership are more likely to achieve positive results during the interaction. It is estimated, therefore, that companies which are not familiar with the process of innovation, as those lacking strategy to establish a structure for the development and commercialization of the licensed technologies, are not suitable partners for the licensing of university technologies. Moreover, it is also a result of this dissertation the identification of companies that own an "innovation DNA". Regardless of the size of these companies, the fact that their business strategy is focused on innovative products and processes is genuinely an important characteristic for the partnership, since from the university's perspective, knowledge and new research lines may arise as a result of cooperation. It is worth mentioning that the choice of the company to license an academic technology is an important role of the TTO, especially in Brazil, where the lack of R&D infrastructure and experience at companies constitutes a negative impact on university-industry partnerships
Subject: Transferência de tecnologia
Propriedade intelectual
Empreendedorismo
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: RUSSANO, Vanessa Sensato. A motivação de empresas para o licenciamento de tecnologias universitárias: o caso da UNICAMP. 2013. 115 p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Geociências, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/286986>. Acesso em: 22 ago. 2018.
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Russano_VanessaSensato_M.pdf1.28 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.