Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286960
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Funções publicas e arranjos institucionais : o papel da Embrapa na organização da pesquisa de soja e milho hibrido no Brasil
Author: Fuck, Marcos Paulo
Advisor: Bonacelli, Maria Beatriz Machado, 1962-
Abstract: Resumo: Em meio aos diversos desafios que vêm sendo colocados às Instituições Públicas de Pesquisa (IPPs), acredita-se que uma melhor compreensão de suas funções públicas possibilita a proposição de políticas públicas voltadas à (re)organização da pesquisa e subsídios para a tomada de decisão não somente no âmbito público, mas também privado. Utiliza-se, para essa discussão sobre as funções públicas das IPPs, a forma como a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) organiza a pesquisa de sementes de soja e milho híbrido no Brasil, chamando atenção para o monitoramento dos mercados. Acredita-se que a realização de tal prática permite um melhor conhecimento dos mercados em que uma instituição atua, assim como dos atores aí envolvidos, possibilitando arranjos institucionais. Para organizar a pesquisa e para intervir no mercado de sementes, a Embrapa realiza arranjos institucionais com outros atores relevantes (iniciativa privada, fundações de produtores, outras instituições congêneres etc.) do sistema de produção e de inovação. As parcerias com diferentes agentes do mercado de sementes, como no caso da União dos Produtores de Sementes de Milho da Pesquisa Nacional (Unimilho), das fundações de produtores e da Monsanto, pode conferir condições para intervenção no mercado de forma a garantir impactos positivos para os usuários do setor agrícola, contribuindo para a legitimação da Embrapa como IPP e dando às relações público-privado uma nova conotação (na pesquisa e no mercado de sementes)

Abstract: Among several challenges faced by Public Research Institutions (IPPs), it is common to believe that a better comprehension of their public functions allows the proposition of public policy towards research (re)organization and the background for decision taking not only in the public sphere but also in the private one. It is used, for this discussion about IPPs public function, the way Brazilian Enterprise of Agriculture Research (Embrapa) organizes the research of seeds on soybean and hybridum corn in Brazil, putting lights on market monitoring. It is normal to believe that this practice leads to a better knowledge about the markets some institution work at, as well as its players, allowing institutional arrangements. To organize research and to act on seeds market, Embrapa does institutional arrangements with other relevant players (private sector, producer foundations, other similar institutions, etc.) of the production and the innovation system. Partnerships with different agents on seeds market, as on the Union of National Research's Corn Seeds Producers (Unimilho), on the producer foundations and on the Monsanto, can give conditions for market intervention that guarantees positive effects for agricultural sector's users, contributing for the legitimacy of Embrapa as IPP and bringing a new meaning on public-private relations (on seeds market and research)
Subject: Sementes - Pesquisa
Pesquisa agricola
Soja - Pesquisa
Milho - Pesquisa
Inovações tecnológicas
Políticas públicas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:IG - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Fuck_MarcosPaulo_M.pdf497.33 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.