Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286859
Type: TESE
Title: Dinâmica de produção de conhecimento na área de Direito no Brasil
Title Alternative: The dynamic production of knowledge in the area of Law in Brazil
Author: Kunz, Ivanir, 1971-
Advisor: Velho, Léa Maria Leme Strini, 1952-
Abstract: Resumo: O objetivo deste estudo é analisar a dinâmica de produção de conhecimento na área de Direito no Brasil, através da elucidação das práticas de organização social em termos da constituição de grupos de pesquisa, das fontes de influência na escolha dos temas e linhas de pesquisa, das formas pelas quais tal comunidade acadêmica se apropria dos canais de comunicação que divulgam sua produção e toma decisões sobre as fontes de referência bibliográfica que informam seus próprios estudos. Central para esta pesquisa é a noção de que as disciplinas diferem na sua formação histórica, nos seus processos de institucionalização na academia, na maneira em que se organizam para produzir conhecimento, na forma em que trocam idéias e divulgam suas informações. Essas diferenças se refletem nos respectivos padrões de comunicação de seus pesquisadores e nas diversas formas de divulgar seus resultados de pesquisa. Este estudo se assenta em dados quantitativos e qualitativos, coletados sobre algumas universidades brasileiras selecionadas, no total de 14, com cursos de pós-graduação, em nível de Mestrado e Doutorado Acadêmico, na área de Direito, recomendados e reconhecidos pela CAPES, com conceito mínimo de 5 (numa escala de 7 no máximo). Em uma seleção da produção intelectual dos 14 programas entre os anos de 2004 a 2006, os resultados mostram que os pesquisadores que trabalham na área de Direito, no Brasil, tendem a publicar mais livros do que artigos em periódicos. Este estudo também fornece evidência de que a área tem uma forte preferência por revistas editadas pela própria Instituição (periódicos in-house) e este parece ser um traço peculiar deste campo de pesquisa no Brasil. Além disto, o hábito de trabalhos coletivos é uma prática pouco difundida na área. Para compreender a dinâmica desta comunidade científica, alguns especialistas desta disciplina, mais especificamente, alguns líderes de grupos foram selecionados para a realização de entrevistas. Assim, para alcançar uma perspectiva mais abrangente, este estudo contrapôs os dados quantitativos obtidos com as 20 entrevistas realizadas com os líderes de grupos de pesquisa das IES selecionadas, no intuito de explicar junto aos pesquisadores, os comportamentos observados. Munido destes dados, este estudo busca vislumbrar ângulos peculiares do processo de produção de conhecimento, fazendo um mapeamento das redes seletivas de autores e de comunicação que resultam em citações, observando o seu processo social, a responsabilidade e poder político dos pesquisadores nesta ciência, em especial

Abstract: The objective of this study is to analyze the dynamics of knowledge production in the area of law in Brazil, through the elucidation of the practices of social organization in terms of the formation of research groups, sources of influence on the choice of themes and lines of research, the ways in which such academic community appropriates the communication channels that disseminate their production and takes decisions on the bibliographic sources that inform their own studies. Central to this research is the notion that disciplines differ in their historical formation, in the processes of institutionalization in academia, in the way they are organized to produce knowledge in the form in which they exchange ideas and disseminate their information. These differences are reflected in their patterns of communication among researchers and in different ways to disseminate their research results. This study is based on quantitative and qualitative data collected on some selected universities, totaling 14, with post-graduate programs offering master and PhD degrees in the field of law, which have been evaluated by CAPES (Brazilian Agency for Higher Education), and received at least a grade 5 (on a scale up maximum 7). In a selection of the intellectual output of the 14 programs between the years 2004 to 2006, the results show that researchers working in the area of law in Brazil tend to publish more books than journal articles. Moreover, and this seems to be a peculiar trait of this research field in Brazil, articles tend to appear in journals edited by the universities themselves (in-house journals). In addition the habit of collective work is a practice little known in the area. To understand the dynamics of the scientific community, some specialists in this discipline, more specifically, some group leaders were selected for interviews. Thus, to achieve a broader perspective, this study contrasted the quantitative data obtained with the 20 interviews with leaders of research groups of the HEIs selected in order to explain with the scientists, the behaviors observed. Armed with this data, this study seeks to discern peculiar angles to the process of knowledge production, causing a selective mapping of networks of authors and communication that result in citations, observing their social process, accountability and political power of the researchers in this science in special
Subject: Comunicação na ciência
Indicadores
Direito - Brasil
Ciências sociais - Pesquisa
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:IG - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Kunz_Ivanir_D.pdf1.99 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.