Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286841
Type: TESE
Title: A produção de conhecimento em biologia : uma pesquisa edtnografia
Title Alternative: Knowledge production in biology : an ethnographic research
Author: Weihs, Marla Leci
Advisor: Velho, Léa Maria Leme Strini, 1952-
Abstract: Resumo: Este trabalho é um estudo de laboratório, que se apóia metodologicamente nos escritos de Latour e Woolgar (1987), teoricamente em Kohler (2002) e se aplica à comunidade científica de Biologia do Campus da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) de Nova Xavantina - MT. Objetiva identificar os fatores que levaram à escolha de determinadas linhas de pesquisa em detrimento de outras. Analisa, também, os condicionantes da constituição dos grupos de pesquisa e como se dá a produção de conhecimento no interior de cada um deles. Para isso, investiga o papel dos fatores institucionais e daqueles ligados ao ambiente local para o desenvolvimento de pesquisa científica; a construção social da agenda de pesquisa e a cultura científica que diferencia os pesquisadores em três tribos - de campo, de fronteira ou de laboratório, - em Biologia. Os resultados do estudo indicam que a qualificação dos profissionais incentivada pela UNEMAT; o fomento a projetos de pequena abrangência, à implementação de infra-estrutura e à aquisição de equipamentos para a pesquisa; a facilidade de desenvolvimento de pesquisas de baixo custo e a especialização dos pesquisadores em linhas de campo e de fronteira, foram os fatores que permitiram o desenvolvimento da pesquisa biológica em uma universidade periférica localizada no interior do Estado de Mato Grosso. Além disso, depreende-se da análise que é a linha de pesquisa escolhida na iniciação científica e na pósgraduação que socializa o pesquisador da área biológica na cultura de pesquisa de campo, de laboratório ou de fronteira. Essa formação é também o ¿bilhete de acesso¿ de uma ¿pessoa comum¿ ao mundo científico, permitindo a ela o aprendizado das técnicas, metodologias, teorias e as ¿atitudes científicas¿ que deve adotar para inserir-se no ciclo de credibilidade que configura o meio científico. Os créditos obtidos na carreira são usados como moedas de troca que permitem o reconhecimento dos pares e de instituições de fomento, ingredientes que são a verdadeira motivação dos pesquisadores, apesar de demonstrarem paixão pela pesquisa biológica

Abstract: This research may be classified as a ¿laboratory study¿ of the biological scientific community of the Mato Grosso State University Campus (UNEMAT) in Nova Xavantina ¿ MT. It follows the methodological approach developed by Latour and Woolgar (1987) and it relies on the concepts of lab and field research proposed by Kohler (2002) applied to. The study aims to identify the factors that lead to the choice of certain biology research lines and not others. It also identifies the determinants of the establishment of research teams and the dynamics of knowledge production in the interior of each team. Ti this end, it investigates the role of institutional factors and of those linked to the local environment on the scientific research development; the social construction of the research agenda and scientific culture that differentiates the researchers into three tribes - field, the border and the laboratory - in Biology. The findings reveal that the factors that enabled the development of biological research in the peripheral countryside university of Mato Grosso State were as follows: the type of professional qualification encouraged by UNEMAT; the funding of small scope projects, the implementation of infrastructure and the purchase of research equipment; the preference for low-cost researches given the easy access to savannah fields and the researchers specialization in specific lines of field and border Biology. , The findings also indicate that a biology researcher chooses to be a field, lab or border researcher since the beginning of his/her career in accordance to the research topic or line of investigation pursued. Research training, be it at the undergraduate or graduate level, is the admission ticket of a "common person" to the scientific world, by enabling the learning of techniques, methodologies, theories and "scientific attitudes" that are part of the cycle of credibility of a specific specialty. The credits earned in their careers are used as currency exchange allowing the recognition of peers and research funding institutions. The latter are the true motivation of the researchers, despite their showing passion for biological research
Subject: Etnologia - Trabalhos de campo
Ciência - Aspectos sociais
Produção do conhecimento
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IG - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Weihs_MarlaLeci_M.pdf4.69 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.