Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286827
Type: TESE
Title: Variabilidade da precipitação pluviométrica da região Sudeste do Brasil no período chuvoso e suas consequências ambientais
Title Alternative: Rainfall variability of southeast region of Brazil in rainy season and environmental consequences
Author: Malvestio, Leônidas Mantovani, 1985-
Advisor: Nery, Jonas Teixeira, 1952-
Abstract: Resumo: As precipitações pluviais incidentes sobre o sudeste brasileiro são marcadas pela influência de dois tipos de sistemas atmosféricos: os tropicais e os frontais, especialmente durante os meses de primavera e de verão no Hemisfério Sul. Estes sistemas, quando associados, contribuem para a configuração da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS). Definida como uma persistente faixa de nebulosidade orientada no sentido noroeste-sudeste do continente sul americano, a ZCAS demonstra ser um dos principais fenômenos atmosféricos responsáveis pelo transporte de energia e vapor de água do oeste amazônico para o sudeste do Brasil. Por permanecer semiestacionária durante vários dias, intensifica o processo de convecção e acentua a precipitação pluviométrica sobre determinadas áreas do território nacional, principalmente aquelas localizadas sobre a banda de nebulosidade. Os grandes volumes precipitados combinados à existência de elevados percentuais de urbanização e de população que vive em assentamentos precários e loteamentos irregulares distribuídos pelas encostas, planícies aluviais e setores periféricos de grandes e médias cidades torna o sudeste do país suscetível à manifestação de desastres naturais de origem hidrometeorológica, como inundações e deslizamentos de terra, os quais geram diversos prejuízos. O objetivo deste estudo foi analisar a variabilidade da precipitação pluvial no sudeste do Brasil durante o período chuvoso e relacioná-la com a ocorrência de desastres naturais. Assim, foram utilizados dados de 177 postos pluviométricos, com séries de 35 anos (1976-2010). Com o emprego do software R foi realizada a homogeneização dos dados pluviométricos. Informações de radiação de onda longa emergente (ROLE) e imagens de satélite, disponíveis para alguns episódios de ZCAS, permitiram identificar e localizar a atividade convectiva sobre a América do Sul e a região Sudeste. A partir dos dados pluviométricos e de ROLE elaboraram-se mapas de isolinhas através do software ArcGIS 10. Reportagens dos jornais Folha de São Paulo e O Estado de São Paulo, correspondentes ao período de atuação das ZCAS, contribuíram para diferenciar a magnitude dos desastres e a localização das áreas afetadas. O regime pluviométrico dessa região brasileira apresenta grande complexidade devido a fatores como localização latitudinal, variação topográfica e proximidade com o oceano Atlântico. Através da comparação entre mapas, dados e reportagens pode-se evidenciar que o período de verão é o mais propicio para a ocorrência de deslizamentos de terra e inundações nesta área de estudo, principalmente nas regiões metropolitanas de Belo Horizonte, de São Paulo, do Rio de Janeiro e municípios densamente povoados

Abstract: The rainfall incidents on Southeast of Brazil are marked by the influence of two kinds of atmospheric systems: Tropical and the frontal, especially during the months of spring and summer in the Southern Hemisphere. These systems, when combined, contribute to shaping the Convergence Zone of the South Atlantic (SACZ). Defined as a persistent band of cloudiness oriented northwest-southeast towards the South American continent, the SACZ proves to be major atmospheric phenomena responsible for the transport of energy and water vapor from the westerly the Amazonian to southeast of Brazil. To remain semi-stationary for several days, intensifies the process of convection and enhances rainfall in some areas of the national territory, especially those located on the bands cloudiness. The large volumes precipitates combined with the existence of high rates of urbanization and population living in slums and irregular settlements spread down the slopes, floodplains and peripheral sectors of large and medium cities makes the southeast of the country prone to natural disasters manifestation of origin hydro-meteorological such as floods and landslides, which generate many losses. The aim of this study was to analyze the variability of rainfall in southeastern Brazil in the rainy period and relate it to the occurrence of natural disasters. Thus, were used data from 177 rain gauges, with series of 35 years (1976-2010). With the use of software R was performed the homogenization of rainfall data. Longwave radiation (OLR) data and satellite images, available for some episodes SACZ enabled to identify and locate the convective activity over South America and southeast region. From the data of rainfall and OLR were prepared contour maps through ArcGIS 10 software. Newspaper reports from Folha de Sao Paulo and O Estado de Sao Paulo, corresponding to the period of activity of SACZ have contributed to differentiate the magnitude of the disasters and location of affected areas. The rainfall in this region of Brazil exhibit great complexity due to factors such as latitudinal location, topographic variation and proximity to the Atlantic Ocean. Through the comparison of maps, data and newspaper reports one can demonstrate that the summer period is the most conducive to the occurrence of landslides and floods in the study area, mostly in metropolitan areas of Belo Horizonte, Sao Paulo, Rio de Janeiro and the densely populated towns
Subject: Precipitação (Meteorologia)
Desastres naturais
Brasil, Sudeste
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IG - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Malvestio_LeonidasMantovani_M.pdf15.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.