Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286509
Type: TESE DIGITAL
Title: The political economy of full employment = A economia política do pleno emplego
Title Alternative: A economia política do pleno emplego
Author: Czachor, Marcin Anderzej, 1984-
Abstract: Resumo: A questão em discussão neste estudo foi sobre a possibilidade de alcançar e manter o emprego na economia capitalista. A persistência do desemprego situa-se no coração do mal-estar econômico na grande maioria das sociedades modernas. É um fenômeno socioeconômico muito complexo, que poderia ser analisado em diferentes níveis. Neste trabalho foi feita uma investigação quanto aos aspectos políticos e econômicos do desemprego. No primeiro capítulo, o objetivo foi fornecer uma visão geral das explicações teóricas dos fenômenos de desemprego em economias capitalistas modernas. Foram propostas as seguintes periodizações das teorias de desemprego: a teoria clássica, Revolução de Keynes e a era pós-Segunda Guerra Mundial. No segundo capítulo investigaram-se alguns aspectos políticos do pleno emprego. Em primeiro lugar, são apresentadas recomendações de política econômica de Keynes que foram adotadas pela maioria das nações desenvolvidas após a Segunda Guerra Mundial. Em segundo lugar, tentou-se responder à pergunta de por que as políticas econômicas keynesianas foram abandonadas pelos países mais desenvolvidos na década de 1970, apesar de seu aparente sucesso. Conclui-se que o conceito de ciclo de negócios política, desenvolvido pelo economista polonês Micha? Kalecki oferece pelo menos uma resposta parcial a esta pergunta. Para Kalecki, a eliminação do desemprego é perfeitamente possível, desde que o governo siga prescrições de Keynes. Este autor afirmou que os limites reais ao pleno emprego não são econômicos, mas sim políticos: um governo comprometido com o pleno emprego, necessariamente, enfrenta oposição política da comunidade empresarial. No terceiro capítulo foi discutido o desenvolvimento de uma relativamente nova escola de pensamento econômico que poderia ser considerada como um dos subgrupos da ampla corrente de Pós keynesianismo - a Teoria Moderna do Dinheiro e sua principal recomendação de política econômica, ou seja, empregador de última instância ou programa de garantia de trabalho

Abstract: The question under discussion in this study was the possibility of achieving and maintaining the employment in capitalist economy. Persistent unemployment lies at the heart of economic malaise in vast majority of modern societies. It is a very complex socio-economic phenomenon that could be analysed on different levels. In my work I choose to investigate both political and economic aspects of unemployment. In the first chapter my aim was to provide an overview of theoretical explanations of unemployment phenomena in modern capitalist economies. I proposed the following periodisation of the theories of unemployment : the classical theory, Keynes¿s Revolution and the Post¿World War II era. In the second chapter I investigated some political aspects of full employment. Firstly, I have presented Keynes¿s economic policy recommendations that were adopted by most of the developed nations after World War II. Secondly, I tried to respond to the question why, in spite of their apparent success, Keynesian economic policies have been abandoned by most developed countries in the 1970s. I have come to the conclusion that the concept of political business cycle, developed by the Polish economist Micha? Kalecki offers at least a partial response to this question. For Kalecki, elimination of unemployment is entirely possible, provided that government follows Keynes¿s prescriptions. He claimed that real limits to full employment are not economical, but rather political: a government committed to full employment will necessarily face political opposition of the business community. In the third chapter I discussed the development of a relatively new school of economic thought that could be considered as one of subgroups of the broad tent of Post Keynesianism ¿ the Modern Money Theory and its main economic policy recommendation, i.e. Employer of Last Resort or Job Guarantee program
Subject: Política de pleno emprego
Desemprego
Language: Inglês
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Czachor_MarcinAnderzej_M.pdf2.13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.