Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286335
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: O uso da terra para finalidades agricolas no Brasil no periodo recente
Author: Igreja, Abel Ciro Minniti
Advisor: Kageyama, Angela Antonia, 1950-
Abstract: Resumo: - A presente tese trata da redistribuição espacial das áreas da agropecuária brasileira a partir da década de 70, a partir de uma metodologia para quantificar padrões de redistribuição espacial das atividades agropecuárias, para o País, estados (regiões) e estratos de estabelecimentos. Com os indicadores obtidos, pode-se comprovar que o processo ocorreu sobre uma base de elevada e crescente concentração da posse da terra, associando acentuado grau de recombinação de atividades (medido através do Índice de Remanejamento) com aumentos na escala de operação - a conhecida "modernização conservadora", partindo-se da premissa da existência de um razoável arcabouço institucional no que se refere à pesquisa agropecuária, à formulação de política agricola e de uma estruturação bem articulada de mercados de insumos e produtos agropecuários processados. Com a desativação dos principais instrumentos de política agricola, a redistribuição espacial da agricultura brasileira vem deixando de ser comandada por políticas governamentais (padrão dos anos 70) e se circunscrevendo às estratégias microeconômicas de grandes empresas que operam o agribusiness e que vêm assumindo de forma acentuada funções de financiamento e coordenação da produção. Os dados mais recentes do censo agropecuário de 1995-96 comprovam que a gestão predominantemente privada da ampliação da infra-estrutura viária, da interconexão entre as modalidades rodoferroviária e hidroviária com portos fluviais e marítimos das regiões Norte e Nordeste, bem como da armazenagem, impactou de modo importante tanto a redistribuição espacial quanto a escala de operação das atividades agricolas, sobretudo na região Centro-Oeste. Este aspecto merece ser analisado de forma cuidadosa, uma vez que em um país continental como o Brasil, com sérios desequilíbrios regionais e de distribuição de renda, a ação governamental pode ter um desejável efeito anti-cíclico. Um dos aspectos ressaltados nesse processo de redistribuição espacial diz respeito à possível repetição de evidências de sobras de áreas, mas que somente nas regiões mais desenvolvidas parecem estar ganhando contornos de gestão de espaços

Abstract: This thesis deals with issues related to agricultural redistribution in a space perspective, since the 70's. For this purpose, it was resorted to quantitative methods in order to obtain standards for the redistribution of agricultural activities in spacial terms, including comparative analyses among states, regions and farm sizes. With a set of indicators, it was possible to verify that the redistribution process has occurred on a highly concentrated land tenure, combining a high degree of recombination of activities (measured by the Dislodgement Index) with increases in the scales of operation - which has been called a "conservative modernization", under the premise that Brazil has a reasonable institutional ftame as regards to agricultural research, policies formulation and the existence of well-articu1ated input and processed agricultural products. With disativation of the main agricultural policy instruments, space redistribution in agricultural production is decreasing its state-led previous condition (as occurred in the 70's) and being circunscribed to microeconomic strategies of big agribusiness operators, which have been assuming former government roles in the financing, coordination and infta-structure management. The 1995-96 census data prove that private management in ampliationfmtegration of transportation systems (highways and railroads netted with hydrographic and sea ports in Northern and Northeast regions), as well as in stockpiling facilities, is being a major cause of impacts in space redistribution and in scale operation of agricultural production, mainly in Midwestem region. This is an aspect that must be under careful scrutiny in a continental country like Brazil, with serious unbalances in regional development and inequalities in income distribution, where govemment policies could have an anti-cyclical effect. Another aspect highlighted in this thesis, and related to the specific space redistribution standards, is the increasing trend of set aside in rural areas, that only in developed regions could be more strictly compared with the same trends observed in developed countries
Subject: Agropecuaria - Brasil
Agricultura e Estado - Brasil
Solo rural - Uso
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Igreja_AbelCiroMinniti_D.pdf7.52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.