Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/286083
Type: TESE
Title: O desenvolvimento e a expansão recente da produção agropecuária no Centro-Oeste
Title Alternative: The recent development and expansion of the agricultural livestock production in the Centre-Western
Author: Correa, Vivian Helena Capacle, 1981-
Advisor: Belik, Walter, 1955-
Abstract: Resumo: Este estudo teve como principal objetivo analisar a evolução da agropecuária na região Centro-Oeste do país e o seu avanço na ocupação de novas áreas, no período recente com foco nas produções de soja, cana-de-açúcar e pecuária bovina. A pesquisa analisa as políticas de Zoneamento Econômico Ecológico nos Estados da região e as atividades dos Conselhos Municipais de Meio Ambiente. Comprovou-se que a hipótese de que o crescimento da agropecuária no Centro-Oeste ainda ocorre pela forma extensiva de produção e de ocupação de novas áreas. A metodologia utilizada foi à revisão bibliográfica sobre a expansão da agropecuária no Centro-Oeste; apresentação da evolução da área plantada das principais culturas, pela qual se observou o crescimento das culturas de soja, milho e cana-de-açúcar e uma redução da área plantada com as culturas tradicionais como arroz e feijão, como também apontados pelas análises sobre o Efeito Escala e o Efeitos Substituição. As análises do modelo de Contribuição de Área e Contribuição do Rendimento permitiram concluir que o crescimento das culturas de soja e cana-de-açúcar se deve muito mais à ampliação da área de cultivo do que o incremento do rendimento. A evolução dos indicadores da pecuária mostrou um deslocamento do rebanho bovino para áreas mais ao norte do país. O trabalho de campo nos Estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás visou analisar as tendências e limites de um novo padrão de produção com vistas à redução da ocupação de novas áreas em um contexto de produção sustentável e de preservação do meio ambiente florestal. Os resultados mostraram que a abundância de áreas para pasto e para lavoura parece criar um consenso sobre o qual os recursos naturais são infinitos e que a preservação é uma preocupação para as gerações futuras. Observou-se que a degradação ambiental e o desmatamento nos biomas Cerrado, Pantanal e Amazônia, quando associados ao modelo expansivo da agropecuária foram minimizados diante o expressivo crescimento econômico gerado aos municípios e Estados produtores. Esse modelo se caracteriza pela substituição de produções com degradação dos solos e desflorestamento em alguma direção, seja pela característica intrínseca e histórica do modelo de ocupação dos cerrados, seja pela racionalidade econômica dos agentes, ou pela ausência ou inoperância de programas e políticas públicas que possam incentivar a mudança do modelo produtivo da região

Abstract: The main objective of this work was to analyze the agriculture and livestock evolution in the Centre-West Region of Brazil, and its growth while invading new areas, in recent times, focusing in the soybean, sugar cane and livestock. This research analyses the Economic/Ecologic Zoning policies in the States of this region and the activities of the Counties Environmental councils. It was confirmed that the agricultural and livestock growth at the Centre-Western still occurs due to the extensive production form and due to the occupation of new areas. The methodology that was uses was the bibliographic review of the agricultural and livestock expansion in the region; presentation of the evolution of the main cultures planted areas, in which were observed the growth of soybean, corn, sugar cane and a reduction of area planted with traditional cultures, such as rice, beans, that was pointed out by the analysis of the Scale and Subtraction Effects. The analyses of the Area Contribution and Productivity Contribution allowed to conclude that the growth of soybean and sugar cane cultures were due, much more to the growth of the cultivated area than due to the productivity increment. The growth of the livestock indicators showed a migration of the cattle to areas more to the north of Brazil. The field work in the states of Mato Grosso, Mato Grosso do Sul and Goiás were done to evaluate the tendencies and limits of a new production style looking to occupy new areas in a sustainable production context and the preservation of the forest environment. The results achieved in this work showed that the abundance of areas for field and farming seems to create a consensus in which the natural resources are endless and that preservation is for future generations. It was observed that the degradation of the environment and the deforestation of the Cerrado, Pantanal and Amazônia biomes, when coupled with the agricultural and livestock expansive models were minimized in relation to the expressive economic growth generated to the productive Cities and States. This model is characterized by the substitution of the production with the degradation of the soil and deforestation in some direction, due to the historical and intrinsic characteristic of the occupation model to the cerrado, or due to the limited rationality economic control of the agents, or the absence or in operant public programs and policies that can incentive the regions production model change
Subject: Agropecuária - Brasil - Centro-Oeste
Soja
Cana-de-açúcar
Bovino - Criação
Desmatamento
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Correa_VivianHelenaCapacle_D.pdf5.85 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.