Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/285866
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Realismo crítico e teoria econômica : quatro ensaios sobre metodologia econômica
Title Alternative: Critical realism and economics : four essays on economic methodology
Author: Fucidji, José Ricardo, 1971-
Advisor: Dequech Filho, David, 1963-
Filho, David Dequech
Abstract: Resumo: O objetivo desta tese é expor, avaliar e aplicar a abordagem metodológica do realismo crítico para a ciência econômica. O realismo crítico em economia propõe-se como uma alternativa os pólos do falseacionismo popperiano e ao relativismo das abordagens construtivistas. O ponto a ressaltar é que o realismo crítico dá precedência às questões ontológicas (a natureza do que existe na realidade econômica e das práticas científicas) sobre as questões epistemológicas (o status das diversas teorias como veículos do conhecimento aceito). Ao defender que o método de investigação ou inferência deve ser adequado ao objeto de análise (que neste caso é algum item da realidade sócio-econômica), o realismo crítico aponta diversas razões para o insucesso das teorias econômicas ortodoxas como instrumentos de previsão e controle dessa realidade. Ao supor uma realidade social que é complexa, diferenciada, estruturada, sistêmica, aberta, sempre em mudança e radicalmente incerta, além de internamente relacionada, essa abordagem coloca-se também como um fundamento metodológico para as correntes heterodoxas em economia. Após discutir o conteúdo dessa abordagem, bem como a concepção ontológica particular sobre a qual é sustentada, o trabalho contrapõe a ela diversas outras abordagens em metodologia econômica, destacando-lhes a ontologia (ainda que implícita). Seguem-se então duas aplicações da abordagem realista crítica em economia. Na primeira, procura-se indicar as limitações e possibilidades do darwinismo generalizado, do realismo crítico, da abordagem da auto-organização em sistemas complexos e da chamada hipótese de continuidade como metodologias alternativas (mas de certa forma compatíveis) para a economia evolucionista. Na segunda, apresentam-se algumas considerações metodológicas a respeito da recente crise financeira, com destaque para o papel dos modelos formais em teorias econômicas

Abstract: The purpose of this work is to explain, evaluate and apply the critical realist approach to economics. Critical realism in economics stands as an alternative to both Popperian falsificationism and the relativism of constructivist approaches. It is worth noting that critical realism gives primacy to ontological issues (the nature of which exists in socio-economic reality and scientific activities) over epistemological ones (the status of competing theories as vehicles of accepted knowledge). By defending that research methods and inferences must be tailored to the nature of the subject-matter - that in this case is some item of socio-economic reality - and not the other way round, critical realism points out several failures in orthodox economics project of predicting and controlling that reality. Supposing a social reality that is complex, differentiated, structured, systemic, open, ever-changing, and radically uncertain, besides internally related, this approach can provide methodological foundations for heterodox schools of thought in economics. After discussing the content of critical realism, as well as its particular ontological underpinnings, this work compares several alternative methodological approaches to it by underlining their (implicit or explicit) ontology. Two attempts of applying critical realism to methodological debates in economics follow. In the first one I point out limits to and possibilities of generalized Darwinism, auto-organized complex systems, continuity hypothesis and critical realism as alternative (but in some ways compatible) methodologies for evolutionary economics. In the second one, I put forward some methodological considerations on the recent financial crisis, focusing on the role of formal models in economic theories
Subject: Economia - Teoria
Economia - Metodologia
Realismo crítico
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: FUCIDJI, José Ricardo. Realismo crítico e teoria econômica: quatro ensaios sobre metodologia econômica. 2012. 219 p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Economia, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/285866>. Acesso em: 20 ago. 2018.
Date Issue: 2012
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Fucidji_JoseRicardo_D.pdf1.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.