Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/285686
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: O Nordeste semi-arido : questões de economia politica e de politica economica
Author: Carvalho, Otamar de, 1937-
Advisor: Cano, Wilson, 1937-
Abstract: Resumo: Nos últimos 25 anos, o Nordeste foi objeto de inúmeros programas de desenvolvimento, tanto públicos como privados, todos eles orientados para o fortalecimento da economia regional. Como resultado desse esforço, foram obtidas altas taxas de crescimento econômico, oberváveis tanto a nível global como setorial, especialmente em relação às atividades urbano-industriais, submetidas a intensos processos de moder nização. As condições de bem estar social de sua população mudaram muito pouco, porém. No geral, chegaram a piorar, em especial as dos habitantes do meio rural, cuja alternativa, dos anos 70 em diante, continuou sendo a migração, já não tão intensamente para o Centro-Sul, mas para o Norte e para as cidades pequenas e médias da hinterlândia semiárida do Nordeste, em sua maioria dotadas de frágil base econômica. A subutilização da força de trabalho acelerou-se particularmente nessa zona, onde as secas continuaram servindo para exacerbar as colocadas pela estrutura de posse e uso da terra restrições. Como compreender a vulnerabilidade da agricultura dessa zona às crises climáticas, diante da execução dos inúmeros programas governamentais, criados e postos em prática com o objetivo de reduzir o atraso econômico e social que tem caracterizado o Nordeste como um todo e sua Zona Semi-Árida em particular? Como explicar o lento avanço da irrigação em áreas secularmente fustigadas pelas secas, havendo solo e água passíveis de exploração agrícola, via irrigação? O tratamento dessas questões é levado a cabo após o exame das políticas governamentais adotadas desde a grande seca de 1877-79 até a seca, ainda mais intensa, de 1979-83. Para captar a essência das políticas então concebidas e executadas, toma-se por base a análise dos fatores que respondem pelo atraso da agricultura do semi-árido nordestino, "corporificadas" por uma estrutura agrária extremamente concentrada e pelo sentido que o capital mercantil ainda dominante, dá a essa estrutura. De sua articulação, têm resultado relações de produção. OBS.: O resumo na integra poderá ser visualizado no texto completo da tese digital.

Abstract: In the last 25 years, Brazil' s Northeast region has been the object of various public or private development programs, all of them aiming to strengthen its regional economy. As a result of those efforts, high rates of economic growth were obtained, observable either at the global or sectoral level. This is particularly true of the urban-industrial activities, which were subjected to intensive modernization processes. Nevertheless, the well-being of the Northeastern population has not improved significantly. Indeed, social conditions have reached even lower levels, particularly in rural areas where the main alternative for the population continues to be out-migration. Nowadays, migration streams to the Centre-South are less intensive, being directed more to the North and to small and medium cities of the Semi-arid zone' s hinterland, which has a weak economic base. The underutilization of the labor force was accelerated, particularly in this zone, where the droughts continue to aggravate the constraints placed on it by the prevailing structure of land tenure and use. How can the continued vulnerability of agricu1ture,' to climatic crises in these zones be understood, given the great number of governmental programs which have been created with the object of curtailing the social and economic backwardness of the Northeast as a whole and of its Semi-arid zone in particular? How to explain the slow advance of irrigation in areas which have been secularly scourged but which have basic soil and water conditons which permit agricultural exploitation? Discussion of these questions begins with an overview of the government policies adopted since the great 1877-79 drought until the recent and even more intense drought of 1979-83. In order to catch the essence of the policies conceived and executed, one must begin with an analysis of the factors which explain the agriculture backwardness of the Semi-arid region, "corporified" by an extremely concentrated agrarian structure and by the character. Note: the complete abstract is avaiable with the full eletronic digital theses or dissertations.
Subject: Economia regional
Brasil, Nordeste - Política econômica
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: CARVALHO, Otamar de. O Nordeste semi-arido: questões de economia politica e de politica economica. 1985. 2v. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Economia, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/285686>. Acesso em: 21 jul. 2018.
Date Issue: 1985
Appears in Collections:IE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Carvalho_Otamarde_D.pdf23.59 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.