Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/285334
Type: TESE
Title: 7 cadernos
Title Alternative: 7 notebooks
Author: Guimarães, Rodrigo Soares, 1976-
Advisor: Perigo, Marcio Donato, 1949-
Abstract: Resumo: Todos sabemos que é difícil tentar expressar num discurso verbal o que é arte. Quando indagado sobre esse mesmo dilema, o músico contemporâneo Frank Zappa (1940-1993) afirmou que "escrever sobre música é como dançar sobre arquitetura". Ainda assim, gostaria de arriscar essa empreitada com a intensão de explicitar parte de meu processo de construção das imagens, principalmente as que foram realizadas durante essa investigação sobre os cadernos de desenho. A construção de tais cadernos impõe um processo de reflexão específico, ligado aos meios expressivos que permitem uma aproximação mais adequada com a imposição determinada pelas configurações técnicas de formatos e suportes que os cadernos de desenho impõem, tanto na sua confecção, como no manuseio e, até mesmo, nas formas de expor. Visando expressar-me textualmente da forma mais racional, clara e sistemática possível sobre minha própria produção, dentro da perspectiva de um olhar pautado pela poética visual proposta, decidi organizar esse olhar, essa reflexão por meio da seleção, apresentação e análise de sete cadernos separados em capítulos distintos. Eles evidenciam eixos comuns importantes, como as questões afetivas que direcionam e moldam a construção das imagens, as escolhas cromáticas carregadas de informações visuais ou assumindo uma postura de franca vocação documental, como a proposta praticada há muito pelos artistas viajantes, acadêmicos ou contemporâneos. A confecção ritualizada dos cadernos, prevê posturas diversas em várias etapas do trabalho, da escolha dos materiais, procedimentos técnicos, tomada de decisões, direcionamento do olhar, da memória ou de experimentações mais livres, até a sua completa finalização

Abstract: We all know that it is difficult to try to express a verbal discourse what is art. When asked about this same dilemma, the contemporary musician Frank Zappa (1940-1993) said that "writing about music is like dancing about architecture." Still, I would risk this venture with the intention of explaining part of my images of the construction process, especially those carried out during the investigation into the sketchbooks. The construction of such notebooks impose a particular reflection process on the expressive means to a more appropriate approach to the imposition determined by technical configurations of formats and supports the sketchbooks impose both in its making, as the handling and, even in the forms of display. In order to express myself literally the most rational, clear and systematic as possible on my own production, from the perspective of a look marked by poetic visual proposal, decided to organize this look, this reflection through the selection, presentation and analysis of seven separate notebooks in separate sections. They show important common axes as affective issues that drive and shape the construction of images, loaded chromatic choices of visual information or assuming an attitude of frank documentary vocation, as the proposal practiced long by artists travelers, students or contemporary. The ritualized manufacture of notebooks, provides for various positions in various stages of work, the choice of materials, technical procedures, decision-making, direction of gaze, memory or more free trials until its full completion
Subject: Desenho
Cor
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Guimaraes_RodrigoSoares_M.pdf23.56 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.