Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/285187
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Uma breve história da mixagem : origem, técnicas, perpcepção e futuros avanços
Title Alternative: A brief history of mixing : origin, technical, perception and future advances
Author: Araújo, Danilo Vieira Granato, 1989-
Advisor: Novo Junior, José Eduardo Fornari, 1966-
Abstract: Resumo: Esta dissertação apresenta uma abordagem geral sobre o tema da atividade de mixagem musical buscando reunir em um único trabalho considerações e correlações a respeito de seus aspectos históricos, subjetivos, técnicos, bem como possíveis avanços futuros. No primeiro capítulo, objetivou-se compilar, em uma abordagem introdutória da origem da gravação e da reprodução sonora, os principais fatos referentes ao surgimento da mixagem no séc. XX e o seu posterior desenvolvimento. Também foram levantadas algumas hipóteses sobre a origem dos estudos da manipulação dos sons e como eles podem ter influenciado a concretização de diversos conceitos sonoros que foram agregados ao universo da mixagem. O capítulo é concluído com uma sucinta descrição sobre o surgimento das mesas de som analógicas, a partir da década de 1950, e o seu desenvolvimento para os modelos digitais em meados da década de 1980. O segundo capítulo focou nas questões subjetivas que envolvem a mixagem, em seu contexto sociocultural e mercadológico, ou seja, naqueles aspectos que estão além das questões meramente técnicas, como por exemplo as características que diferenciam: os estilos, gêneros e vertentes musicais. Após estabelecer quais parâmetros de manipulação na mixagem se destacam como aspecto de expressividade, comentou-se sobre a inserção desses como elementos de significação sociocultural, introduzindo questões em torno da sua relação com a indústria cultural. O terceiro capítulo apresenta um conteúdo teórico sobre as propriedades acústicas dos fenômenos sonoros na mixagem. Inicialmente, buscou-se definir quais informações objetivas (acústicas) e perceptuais (psicoacústicas) se associam ao estudo da mixagem. Em um segundo momento, o levantamento deste material ofereceu embasamento suficiente para inserir algumas noções sobre o estudo de grandezas psicoacústicas, como o exemplo das curvas isofônicas de resposta da audição humana, para, em seguida, descrever e discutir consequências de suas relações com o mercado, como a guerra do Loudness e as diferenças entre sistemas de reprodução de áudio analógico e digital. O quarto capítulo engloba, exclusivamente, assuntos que se referem ao contexto das interfaces computacionais de mixagem. Inserindo inicialmente um panorama geral sobre as interfaces atuais, discutiu-se a eficiência desses modelos de acordo com as possibilidades de processamento disponíveis no mercado. Foram sugeridas novas abordagens em torno do tema e a busca por propostas de interação diferenciadas na relação entre usuário e interface, como o exemplo apresentado de um modelo para representação visual da propagação dos sons em ambiente virtual. Por fim, comentou-se no capítulo de conclusão as possibilidades de automatização de tarefas internas da mixagem e discutiu-se possíveis avanços futuros, como a implementação de uma interface computacional capaz de prover a manipulação de múltiplas fontes sonoras por modelos visuais inovadores, aliada a ideia de desenvolver metodologias com maior ênfase no aspecto intuitivo e criativo dos usuários. Este texto é finalizado com uma breve seção com as considerações finais do autor sobre o assunto aqui estudado

Abstract: This dissertation presents a general approach on the subject of musical mixing activity, aiming to bring together in a single work considerations and correlations regarding their historical, subjective and technical aspects and, also, possible future developments. In the first chapter, the objective was to compile, in an introductory approach to the origin of recording and sound reproduction, the main facts concerning the birth of the mixing in the twentieth century and its further development. Besides, some hypotheses on the origin of manipulation studies of the sounds, and how it may have influenced the implementation of various sound concepts that were added to the universe of the mixing, are investigated. The chapter concludes with a brief description of the emergence of the analog sound tables since the 1950s, and its development for the digital models in the mid-1980s. The second chapter focused on the mixing subjectivity issues in their socio-cultural and market context that are beyond the technical aspects, such as the characteristics that differentiate the styles, genres and musical aspects. After establishes which mixing parameters are associated with the significant factor, comments the inclusion of these elements as socio-cultural significance, introducing some issues related to their relationship within the cultural industry. The third chapter presented a theoretical content on the acoustic relationship of sound phenomena in the mixing. Initially seeks to define which objective (Acoustic) and perceptual (psychoacoustic) information are associated with the study of the mixing. In a second step, the compilation of this material provided sufficient basis to insert some knowledge about the study of psychoacoustic magnitude such as the equal loudness curves and, then, describes and discusses the consequences of this relationship with the market issues such as loudness war and differences between analogic and digital audio playback systems. The fourth chapter covers, exclusively, matters that are related to the context of computational mixing interfaces. Describing, initially, an overview of the current interfaces, discussed the efficiency of these models in the processing capabilities available in the market. New approaches are suggested on the theme and the search for different interaction environments for the users in production's interfaces, such as a visual representation of the model sounds. Finally, the conclusion described the possible automation of internal tasks of mixing and discussed its future development such as the implementation of a computational interface that make possible the visual managing of multiple sound sources allied to the idea of developing methodologies with greater emphasis on intuitive and creative aspect of users. This work ends with a brief section with concluding remarks of the author on the subject studied here
Subject: Som - Registro e reprodução - Técnicas digitais
Interfaces (Computador)
Mixagem (Som)
Editor: [s.n.]
Citation: ARAÚJO, Danilo Vieira Granato. Uma breve história da mixagem: origem, técnicas, perpcepção e futuros avanços. 2015. 1 recurso online (164 p.) Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Artes, Campinas, SP. Disponível em: http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/285187. Acesso em: 2 Sep. 2020.
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Araujo_DaniloVieiraGranato_M.pdf16.09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.