Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/285183
Type: TESE DIGITAL
Title: Imagens-sertões : imagens-espaço de sertões-prosa e sertões-poesia no cinema brasileiro contemporâneo
Title Alternative: Imagens-sertões : space-images of sertões-prosa and sertões-poesia in the Brazilian contemporarian movies
Author: Velasco, Diogo Cavalcanti, 1983-
Advisor: Teixeira, Francisco Elinaldo, 1954-
Abstract: Resumo: O espaço cinematográfico foi tratado pela maioria dos teóricos do cinema como algo concreto. As buscas pelos mecanismos estéticos (espacializações) que o transpõem para a tela de duas dimensões o encerravam em sua extensão e imobilidade. No entanto, o espaço deve ser pensado como algo multidimensional e dinâmico. Em conjunto com o tempo, ele é o produto de interrelações entre suas multiplicidades discretas simultâneas e suas dimensões (física, social, plástica e simbólica), em um contínuo processo de produção de imagens-espaço diretas e indiretas no cinema. Nesse sentido, pretendemos, nesta tese, demonstrar como é possível enxergar essa forma alternativa de pensar o espaço, também cinematográfico, especificamente em nossos objetos de análise que perscrutam o sertão nordestino a partir de sete filmes singulares, quais sejam: O Céu de Suely (2006, Karim Ainouz), Cinema, Aspirinas e Urubus (2005, Marcelo Gomes), Árido Movie (2005, Lírio Ferreira), Central do Brasil (1998, Walter Salles), Abril Despedaçado (2001, Walter Salles), Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo (2009, Karim Ainouz e Marcelo Gomes) e Uma Encruzilhada Aprazível (2006, Ruy Vasconcelos). Tendo em vista suas espacializações e suas imagens-espaço, veremos como se configuram sertões-prosa, sertões-poesia e prosa e sertões-poesia no cinema brasileiro contemporâneo. Estruturamos, assim, nosso texto, em quatro capítulos que delimitam seu conteúdo temático e norteiam nossas discussões. No capítulo 1, apresentamos os filmes, lançamos questões iniciais sobre nossos problemas; o capítulo 2 aborda as relações entre a teoria do cinema e a produção espacial cinematográfica; o capítulo 3 introduz o termo imagem-espaço e seus fundamentos, além de apresentar uma metodologia de análise espacial fílmica e, por fim, no capítulo 4, analisamos os objetos da pesquisa, tendo em vista três blocos: sertões-prosa, sertões-poesia e prosa e sertões-poesia

Abstract: The movie theorists, in major part, have always treated the space in the movies as something concrete. The searches for aesthetic mechanisms (spacializations), that transpose from three to two dimensions on the screen, closing it in its extension and immobility. However, the space must be thought as something multidimensional and dynamic. Along with the time, it is the product of interrelationships among its simultaneous discrete multiplicities and its dimensions (physical, symbolic, social and plastic), in a continuous production process of movies direct and indirect space-images. In this way, we intend, in this thesis, show how it is possible to demonstrate this in an alternative way of cinematographic space, specifically in our objects that handle with sertão nordestino, that are: O Céu de Suely (2006, Karim Ainouz), Cinema, Aspirinas e Urubus (2005, Marcelo Gomes), Árido Movie (2005, Lírio Ferreira), Central do Brasil (1998, Walter Salles), Abril Despedaçado (2001, Walter Salles), Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo (2009, Karim Ainouz e Marcelo Gomes) e Uma Encruzilhada Aprazível (2006, Ruy Vasconcelos). Taking for granted their spacelizations and their space-images, we¿ll see how prose and poetry sertões are configured in the Brazilian contemporary movies. In Chapter 1, we show the movies, opening initial questions about our problems; the chapter 2 approaches the relationship between the movie theory ande cinematographic space production; the chapter 3 introduces the term space-image and its fundaments, besides presenting a methodology of filmic space analysis and, finally, in chapter 4, we analyse the objects of the research, taking for granted three groups: sertões-prosa, sertões-poesia and prosa and sertões-poesia
Subject: Espaço e tempo
Sertão - Brasil
Cinema
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Velasco_DiogoCavalcanti_D.pdf24.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.