Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/285018
Type: TESE
Title: Estudo e reflexão sobre repertorio para orquestra jovem
Title Alternative: Studies and reflections about a repertoire for young orchestra
Author: Real, Jonicler
Advisor: Ostergren, Eduardo, 1943-
Ostergren, Eduardo Augusto, 1943-
Abstract: Resumo: Este estudo nos leva a uma Reflexão sobre Repertório para Orquestra Jovem enfatizando no futuro a execução de obras completas. No início uma orquestra jovem toca arranjos ou trechos facilitados do repertório sinfônico, solidificando e desenvolvendo repertório e técnica buscando ao mesmo tempo crescimento de sua maturidade artística. A partir de um certo nível de conhecimentos teórico obtidos e do desenvolvimento técnico adquirido, a busca de novos desafios estimula a necessidade de se abordar um novo repertório com obras executadas na sua íntegra. O repertório sinfônico disponível para grupos jovens é pequeno e a literatura apresentada se restringe, muitas vezes, às experiências pessoais de cada dirigente e as limitações do seu grupo. Os diferentes períodos musicais abordados se remetem ao ensejo de capacitação do estudante, fornecendo um acréscimo substancial em seus conhecimentos técnicos e teóricos. Tomando como base o trabalho desenvolvido junto a Orquestra Filarmônica Jovem da ASSEC na cidade de Sorocaba, procuramos mostrar o caminho trilhado desde o seu início, executando arranjos, "Andantes" e "Minuetos" de diferentes sinfonias. Percebendo o momento de transição, tenta-se definir o novo objetivo a que se quer chegar. Propomos algumas opções quanto ao repertório, com suas classificações, esperando ter contribuído de maneira modesta para o catálogo de música para orquestras jovens e para ajudar os regentes nas suas considerações na busca de um repertório alternativo

Abstract: This study is a reflection on the various aspects of the music repertoire for Youth Orchestras in their preparation for future performances of orchestral masterpieces. In its early stages a young orchestra generally plays a repertoire consisting of mostly easy pieces or arranged excerpts of the standard symphonic literature in order to develop technique, build repertoire and achieve musical growth. Once a certain level of competence is reached new challenges stimulate the desire to perform more complex works either in their original form or in their complete version. The music literature available for young groups is usually small and the works performed tend to reflect personal tastes or particular experiences of the conductor and the limitations of his group. The various musical examples discussed here present a kind of challenge that allows for artistic growth in both the theoretical and practical aspects of orchestral playing through the performance of music of the different style periods. Inspired by our work with the Youth Philharmonic Orchestra of Sorocaba (sponsored by ASSEC - Associação de Eventos Culturais) we have tried to show the orchestra's development from its beginnings, when it used to play mostly arrangements of slow movements or ¿minuets" from standard symphonies to a more mature level of performance. We have also proposed a few repertoire alternatives, graded by levels of difficulty, hoping to have made a modest contribution to the catalogue of youth symphony orchestra and as a way to help conductors in their considerations while approaching alternative repertoire
Subject: Orquestras
Música orquestral
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2003
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Real_Jonicler_M.pdf1.74 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.