Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/285017
Type: TESE
Title: Arte para o corpo : vivenciar, perceber e sentir a arte contemporanea brasileira
Title Alternative: Art for the body : to live deeply, to perceive and to feel in the art brazilian contemporary
Author: Januario, Elizete Terezinha
Advisor: Valle, Marco Antonio Alves do, 1954-
Abstract: Resumo: Esta pesquisa teve por finalidade apontar a importância da estimulação sensorial no corpo humano por meio do contato com objetos e instalações que possam proporcionar uma experiência sensível (olhar, tatear, ouvir, degustar e falar). Neste sentido, tais experiências mostram a interação entre a arte e a vida do ser humano em seu dia-a-dia, bem como as relações que seguem entre os objetivos de Lygia Clark e Hélio Oiticica, abordando questões relativas à "exploração do corpo¿, focalizando-o como um instrumento ativador de sua própria percepção, e, posicionando os homens a uma proximidade maior com a Arte a partir das vivências sensoriais. Porém, seus caminhos são divergentes. Lygia Clark parte do interior do sujeito, cria dobras em seus objetos para que ele chegue ao mundo e ao outro à partir de seu inconsciente e de seu Self; Hélio Oiticica já propõe o oposto, chegar ao sujeito à partir do exterior, e ainda, levanta questões sociais e políticas a partir da reunião de objetos e pessoas ligados ao seu meio, determinando uma das vertentes mais arrojadas da arte contemporânea brasileira, sinalizando a principal característica de nossa cultura em que o corpo é suporte e meio da expressão artística brasileira. Este interesse surgiu a partir de conclusões adquiridas nos meios em que acontecem as exposições de Arte contemporânea. Foi então que percebeu-se o quanto as inter-relações e os acontecimentos envolvem o artista ao mundo, e fazem com que ele continue as buscas por novas expressões artísticas, experimentando, transformando, sentindo e ingerindo as diversidades que rodeiam a sociedade, principalmente no meio artístico. Estas relações se dão e são proporcionadas pelos cinco sentidos. A consciência do indivíduo se completa ao interagir com o mundo por meio das manifestação dos cinco sentidos. São eles que nos propiciam esta comunicação com o meio externo. O direcionamento do trabalho é apontar o Artista, e, neste sentido, ele exerce um papel de articulador destas relações quando propõe objetos interativos com seu corpo e com os corpos de outras pessoas. As considerações mencionadas nesta dissertação dizem respeito a este processo de construção interior em direção às pesquisas plásticas, que investigam uma série de materiais e novas interpretações sobre espaço, formas, corpo e mundo. Sendo assim, no corpo desta dissertação estarão descritos o caminhar de Lygia Clark e Hélio Oiticica em direção aos questionamentos sobre o conceito da ¿quebra do plano¿, a ¿queda da moldura¿, bem como as experiências sensoriais exploradas em seus objetos e instalações, fator que possibilita a manifestação de todos os órgãos dos sentidos em nosso corpo. O caminhar em direção a tridimensionalidade em conseqüência da exploração dos sentidos nos trabalhos plásticos mencionados neste trabalho, salientando a forte influência dos trabalhos dos artistas acima referidos. Portanto, não podemos deixar de mencionar a fundamentação teórica pautada nas considerações do pensamento fenomenológico existencial. Finalizando, foi feito um apanhado geral sobre o envolvimento dos cinco sentidos como elementos imprescindíveis para que a sensibilidade não se perca na vida do Ser Humano, e ainda, a relação das investigações sensoriais nos trabalhos de Lygia Clark e Hélio Oiticica. Concluindo, então, esta pesquisa com a certeza de que o Corpo não está distante da Arte em momento algum. Ao Ser Humano é dado a capacidade e sentir, vivenciar e captar o mundo a sua volta, desenvolvendo a vida, o movimento e o instinto de criação e transformação a partir do que lhe é oferecido

Abstract: This research had for purpose to point the importance of the sensorial stimulation in the human body by means of the contact with objects and installations that can provide a sensible experience (to look at, to tatear, to hear, to degustar and to speak). In this direction, such experiences day-by-day show to the interaction between the art and the life of the human being in its, as well as the relations that follow between the objectives of Lygia Clark and Hélio Oiticica, approaching relative questions to the "exploration of the body", focusing it as an activator instrument of its proper perception, and, locating the men to a bigger proximity with the Art from the sensorial experiences. However, its ways are divergent. Lygia Clark has left of the interior of the citizen, creates folds in its objects so that it arrives at the world and the other to leaving of its unconscious one and of its Self; Oiticica helium already considers the opposite, to arrive at the citizen to leaving of the exterior, and still, raises social matters and politics from the meeting of on objects and people to its half one, determining one of the sources boldest of the art Brazilian contemporary, signaling the main characteristic of our culture where the body is support and way of the Brazilian artistic expression. This interest appeared from conclusions acquired in the ways where the expositions of Art happen contemporary. It was then that it was perceived how much the Inter-relations and the events involve the artist to the world, and make with that it continues the searches for new artistic expressions, trying, transforming, feeling and ingesting the diversities that encircle the society, mainly in the artistic way. These relations if give and proportionate for the five are felt. The conscience of the complete individual if when interacting with the world by means of the manifestation of the five felt. They are they who in them propitiate this communication with the external way. The aiming of the work is to point the Artist, and, in this direction, it it exerts a paper of articulador of these relations when it considers interactive objects with its body and the bodies of other people. The considerações mentioned in this dissertação say respect to this process of interior construction in direction to the plastic research, that investigates a series of materials and new interpretations on space, forms, body and world. Being thus, in the body of this dissertação they will be described walking of Lygia Clark and Hélio Oiticica in direction to the questionings on the concept of the "plan in addition", the ¿fall of the frame¿, as well as the sensorial experiences explored in its objects and installations, factor that makes possible the manifestation of all the agencies of the directions in our body. Walking in direction the tridimensionalidade in consequence of the exploration of the directions in the plastic works mentioned in this work, pointing out the strong influence of the works of the artists above related. Therefore, we cannot leave to mention the pautada theoretical recital in the considerações of the existencial fenomenológico thought. Finishing, apanhado on the envolvement of the five was made general felt as elements essential so that sensitivity not if it loses in the life of the Human being, and still, the relation of the sensorial inquiries in the works of Lygia Clark and Hélio Oiticica. Concluding, then, this research with the certainty of that the Body is not distant of the Art at any moment. To the Human being the capacity is given and to feel, to live deeply and to catch the world its return, developing the life, the movement and the instinct of creation and transformation from that it is offered to it
Subject: Clark, Lygia, 1920-
Corpo
Percepção
Arte moderna - Séc. XX
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Januario_ElizeteTerezinha_M.pdf4.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.