Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/285001
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação do ensino-aprendizagem de guitarra elétrica e violão popular na licenciatura em música na modalidade a distância da Universidade Vale do Rio Verde
Title Alternative: Evaluation of eletric and acoustic guitar learning in bachelor of music in distance learning of the Vale do Rio Verde University
Author: Solti, Endre, 1970-
Advisor: Goldemberg, Ricardo, 1956-
Abstract: Resumo: O objetivo deste trabalho é avaliar o ensino dos instrumentos guitarra elétrica e violão popular nas disciplinas de instrumento da licenciatura em música com habilitação em instrumento - modalidade à distância, oferecida pela Universidade Vale do Rio Verde (UninCor). Para isso, foi utilizado um estudo de caso, cuja finalidade foi fazer um levantamento de dados referentes ao ensino dos conteúdos improvisação e linguagem jazzística nas referidas disciplinas. Após a coleta dos dados, foi feita uma avaliação comparativa entre as gravações dos improvisos dos alunos enquanto cursavam o primeiro semestre com gravações dos improvisos desses mesmos alunos enquanto cursavam o último semestre. Apesar de os resultados terem sido satisfatórios quanto à evolução, uma análise mais profunda apontou para dificuldades maiores de aprendizagem de elementos musicais rítmicos ou de linguagem. Para explicar esses resultados, recorremos ao pressuposto teórico de John Anderson (1981), que divide a forma de assimilação de conteúdos em dois tipos de conhecimentos, os conhecimentos declarativo e processual, e ao pressuposto teórico de John Kratus (1996), que divide os níveis de improvisação que um músico improvisador pode alcançar em sete níveis. Através da teoria de Kratus, conseguimos entender que os resultados de dificuldade podem ser considerados como uma das etapas iniciais da apreensão de conteúdos, enquanto que resultados positivos são considerados como uma etapa final ou maturação desses mesmos conteúdos. Através da teoria de Anderson (1981), conseguimos entender que os conteúdos calcados no conhecimento processual apresentam maior dificuldade de assimilação, exatamente pelo fato de ser de difícil verbalização. Após o confronto da análise dos dados coletados com as teorias de apoio, concluímos que as dificuldades de aprendizagem estão presentes em ambas as modalidades, presencial e a distância, mas que se apresentam mais evidentes quando conteúdos práticos são ministrados via EaD. Mesmo assim, consideramos válido o ensino musical instrumental a distância, principalmente para a formação de professores, onde as exigências de ordem prático-instrumental podem ser menores se for previsto pelo curso alguma proficiência instrumental, ou se aproveitados os momentos presenciais obrigatórios da modalidade para atividades que privilegiem a prática de um instrumento musical

Abstract: The objective of this study is to evaluate the teaching of instruments and electric guitar popular guitar in the degree of instrument disciplines in music with instrument qualification - distance mode, offered by the University Vale do Rio Verde (UNINCOR). For this, a case study was used, whose purpose was to make a data collection for the teaching of improvisation and jazz language content in these disciplines. After collecting the data, it made a comparative evaluation between the recordings of the improvisations of the students were enrolled as the first half with recordings of the improvisations of these same students as were enrolled in last semester. Although the results were satisfactory with regard to evolution, a deeper analysis pointed to greater difficulty in learning rhythmic musical elements or language. To explain these results, we turn to the theoretical assumption of John Anderson (1981), which divides the form of assimilation of content in two types of knowledge, declarative and procedural knowledge and the theoretical assumption Kratus John (1996), which divides improvisation levels that an improvising musician can reach into seven levels. By Kratus theory, we understand that the results of difficulty can be considered as one of the initial stages of apprehension contents, while positive results are considered as a final step or maturation of these same contents. By Anderson's theory (1981), we understand that the footwear content on procedural knowledge are more difficult to assimilate, just because it is difficult to verbalize. After analysis of the data collected confrontation with the theories of support, we conclude that learning difficulties are present in both modes, face and the distance, but that present more evident when practical contents are taught via distance education. Still, we consider valid the instrumental music distance learning, particularly for teacher training, where the demands of practical-instrumental order may be lower if provided by the course some instrumental proficiency, or if harnessed the mandatory personal moments of the sport for activities that favor the practice of a musical instrument
Subject: Ensino à distância
Improvisação (Música)
Guitarra
Editor: [s.n.]
Citation: SOLTI, Endre. Avaliação do ensino-aprendizagem de guitarra elétrica e violão popular na licenciatura em música na modalidade a distância da Universidade Vale do Rio Verde. 2015. 79 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Artes, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/285001>. Acesso em: 27 ago. 2018.
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Solti_Endre_M.pdf1.35 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.