Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/284960
Type: TESE
Title: Uma abordagem sobre a noção de gesto musical nas poéticas de Luciano Berio e Brian Ferneyhough
Title Alternative: An approach to the notion of musical gesture in the poetics of Luciano Berio and Brian Ferneyhough
Author: Castellani, Felipe Merker, 1984-
Advisor: Mello Filho, Silvio Ferraz, 1959-
Filho, Silvio Ferraz Mello
Abstract: Resumo: Abordamos no presente trabalho a noção de gesto musical circunscrita às poéticas dos compositores Luciano Berio e Brian Ferneyhough. O que as liga é a tomada de consciência de que os gestos musicais não devem ser entendidos como unidades fechadas e prontas para serem utilizadas, não importando o contexto em que serão inseridas. Seja por sua utilização como parte de um processo de significação musical, ou como parte de uma atitude composicional, o mais importante é sua possibilidade de desconstrução e reconstrução. Portanto, este é o principal foco deste trabalho.Nos escritos de Luciano Berio, a noção de gesto musical está interligada a outros aspectos como o virtuosismo, presente na prática instrumental e a teatralidade, produzida por uma relação entre corpo físico do instrumentista e o corpo sonoro gerado pelas ações do mesmo. Para ele os gestos são jogos de representação e significação, que ocorrem em função das convenções históricas e culturais. Por outro lado, para Ferneyhough, o gesto é o resultado de um trabalho paramétrico, que atua tanto com um enfoque tradicional, nas operações que manipulam as alturas e os ritmos, como em formas mais diferenciadas, nos modos de articulação e dedilhados instrumentais. O que o define não é um trabalho isolado, mas a interação entre os diversos procedimentos presentes em um contexto composicional que convergem em direção a um efeito global.Contextualizamos e integramos as questões teóricas através das análises das seguintes obras: as Sequenze de Luciano Berio e Second String Quartet, Time and Motion Study I, Time and Motion Study II e o quinto movimento de Kurze Schatten II, todas de autoria de Brian Ferneyhough.Além das investigações teórica e analítica, também propomos uma experiência prática composicional, que permite a ampliação e complementação de nosso campo problemático. Desta forma, apresentamos um relato de procedimentos composicionais trabalhado simultaneamente com o estudo da poética de Luciano Berio e Brian Ferneyhough

Abstract: In this work we approach the notion of musical gesture circumscribed to the poetic of the composers Luciano Berio and Brian Ferneyhough. What connects them is the awareness of the musical gestures that should not be regarded as closed units and ready for use, no matter the context in which they are inserted. Whether for its use as part of a process of musical signification, or as part of a compositional approach, the most important is its potential to deconstruction and reconstruction, so this is the main focus of this work. In the writings of Luciano Berio, the notion of musical gesture is interconnected to other aspects such as the virtuosity, present in the instrumental practice and the theatricality, produced by a relationship between the physical body and the sonorous body generated his the actions. For the composer the gestures are games of representation and meaning, which occur due to the historical and cultural conventions. On the other hand, for Ferneyhough, the gesture is the result of a parametric work, which operates both with a traditional approach, in the operations that manipulate pitches and rhythms, as in a more differentiated ways, in the modes of articulation and instrumental fingerings. What defines this gesture, it's not an isolated work, but the interaction between the various procedures found in a compositional context that converges toward a global effect. We contextualize and integrate the theoretical issues through the analysis of the following works: the Luciano Berio's Sequenze and Brian Ferneyhough's Second String Quartet, Time and Motion Study I, Time and Motion Study II and the fifth movement of Kurze Schatten II. In addition to the analysis, we also propose a practical compositional experience, which allows the expansion and complementation of our problematic field. Thus, we present a description of the compositional procedures worked simultaneously with the study of the poetics of Luciano Berio and Brian Ferneyhough
Subject: Ferneyhough, Brian, 1943-
Berio, Luciano, 1925-2003
Música - Análise, apreciação
Composição (Música)
Gestos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Castellani_FelipeMerker_M.pdf33.43 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.