Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/284781
Type: TESE
Title: A dança no reino do improvavel : as interferencias do acaso na ação coreografica
Author: Santos, Solange de Jesus Borelli dos
Advisor: Garcia, Denise Hortência Lopes, 1955-
Abstract: Resumo: A Dança no reino do improvável trata de nos aproximar dos princípios lógicos e ordenadores de um processo de criação e composição coreográfica, ocupandose de um fenômeno presente na natureza: o acaso. Para isso utiliza-se de uma revisão histórica do pensamento Ocidental sobre o tema, numa síntese que possa abarcar o seu entendimento, trazendo à tona algumas das concepções estabelecidas no campo da filosofia e da ciência. Essa revisão perpassa por aspectos de três discussões configuradas na virada do século XX: da Física Quântica, o Princípio da Incerteza de Heisenberg; da Semiótica Peirceana, os três elementos ativos no mundo que determinam a maneira do pensamento evoluir: o tichismo, o ananquismo e o agapismo; e do Pensamento Junguiano, o Fenômeno da Sincronicidade. Prosseguimos com a apresentação de mais dois momentos: um, explorando as teorias da criação artística; o outro, tratando das especificidades da dança durante o seu processo de construção, investigando-a enquanto projeto poético convergindo para a apresentação de um estudo de caso: o processo criativo de JARDIM DE TÂNTALO, espetáculo de dança concebido e dirigido por Sandro Borelli, estreado em 2001. Objetivando detectar as interferências do acaso tanto no processo criativo como no resultado artístico, partimos da seguinte premissa: a arte contemporânea, e dentro dela a dança, é paradoxal; incorpora ambigüidades e ações descontínuas. Mesmo que a sua confecção seja alimentada pela indeterminação, aqui chamada de acaso, toda criação envolve regras. Regras geradas pela ordem e pela desordem, que, em interações mútuas estabelecem outros modos de organização. São outras possíveis criações autorizando as inúmeras possibilidades de um fato acontecer. Por mais incontáveis que sejam as possibilidades que o artista possa ter para concretizar a sua obra, essas possibilidades vão se estreitando até o ponto em que se percebe que a obra não poderia ser concretizada de outro modo. Trabalhar com o acaso é perturbador, incita a atitude aventurosa e, sobretudo, a crítica ao saber estabelecido
Subject: Criação artística
Acaso
Dança
Coreografia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2004
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Santos_SolangedeJesusBorellidos_M.pdf955.69 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.