Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/284714
Type: TESE
Title: Estudo da dramaturgia musical em L'Orfeo, de Claudio Monteverdi, realizado a partir da linguagem tonal do compositor : uma proposta de orquestração moderna como recurso dramaturgico
Title Alternative: Study of the musical dramaturgy in L'Orfeo, by Claudio Monteverdi, conducted from the tonal language of the composer : a proposal for a modern orchestration as dramaturgic appeal
Author: Rocha, Abel Luis Bernardo da
Advisor: Ostergren, Eduardo Augusto, 1943-
Abstract: Resumo: Este trabalho tem por objetivo apresentar a realização de uma PARTITURA CONTEMPORÂNEA DE EXECUÇÃO da ópera L'Orfeo - Favola in Musica, de Claudio Monteverdi, composta em 1607, apresentada aqui como uma transcrição historicamente informada, sugerindo a utilização de uma mescla de recursos e instrumentos contemporâneos combinados àqueles específicos da prática musical do repertório setecentista. Tal realização embasou-se na teoria e prática musical do século XVII. Num primeiro momento, foi realizada a análise da linguagem harmônica de Claudio Monteverdi, especialmente empregada nesta ópera, tomada dentro da prática musical sua contemporânea, a partir de tratados teóricos da época, de escritos de Monteverdi e críticas à sua obra. Numa segunda parte, estudaram-se as necessidades técnicas e estéticas para realizar a transcrição da partitura original e a recuperação do significado simbólico dessa linguagem harmônica. E, finalmente, apresenta os passos de construção de uma dentre várias possíveis orquestrações contemporâneas, com sugestões de soluções orquestrais modernas que visam a recuperação dos significados dramáticos sugeridos pela escrita de Monteverdi, sugerindo um conjunto de recursos expressivos, que possam incutir no público de nosso século os afetos de "terror" e "piedade", como definidos na teoria clássica do teatro.

Abstract: The purpose of this study is to present a modern realization of the orchestral score of Claudio Monteverdi's L'Orfeo - Favola in Musica, originally written in 1607. It is presented here as a historically informed transcription, suggesting the use of a mix of contemporary instrumental resources and tools combined with those specific to practices of the seventeenth century. As an initial step, an analysis of the specific harmonic language employed by Claudio Monteverdi in L'Orfeo was done, approached from within his own contemporary musical practice and writings and based on theoretical treatises of the time as well as criticisms of his work. In a second part, technical and aesthetic needs to perform the transcription of the original orchestral score and the recovery of the symbolic significance of this harmonic language are studied as well. At last, it presents steps for the contemporary elaboration of one of the many possible orchestrations of this work proposing modern orchestral solutions that seek the recovery of specific meanings suggested by the dramatic writing of Monteverdi, a suggestive set of expressive resources that can instill in our contemporary public the affects of "terror" and "mercy" as defined in the classical theory of theater.
Subject: Monteverdi, Claudio, 1567-1647
Opera
Regência (Música)
Musica antiga
Música - Análise, apreciação
Instrumentação e orquestração
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Rocha_AbelLuisBernardoda_D.pdf8.9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.