Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/284544
Type: TESE
Title: Imagens para a voz : colheita teórica, colheita prática e diários da atriz
Title Alternative: Images to the voice : theoretical harvest, harvest practice and daily of actress
Author: Diniz, Liana Ferraz
Advisor: Lopes, Sara, 1949-
Lopes, Sara Pereira, 1949-
Abstract: Resumo: A presente pesquisa trabalha com a hipótese de que a imaginação é um elemento que une corpo e voz e pode ser o ponto de partida para uma prática vocal pautada pela liberdade do laboratório. Aqui, apresentam-se alguns questionamentos acerca da utilização da técnica vocal como finalidade artística em detrimento da experimentação livre a ser estimulada para que a voz e o corpo alcancem novas possibilidades expressivas. A necessidade de uma investigação no campo da voz em cena que vá além da técnica adveio da afirmação de que "voz é corpo" muitas vezes não reverbera nos laboratórios de prática vocais. Os atores tendem a experimentar o corpo sem voz para depois anexar uma voz processada mentalmente. O resultado disso é uma segregação corpo e voz que aparece nitidamente na cena e compromete a ação vocal, reduzindo-a a uma emissão vocal eficiente para a veiculação do discurso informativo, mas ineficiente na ampliação do sentido da cena. Essa investigação foi realizada em três vertentes principais: as referências teóricas, a observação de atores em laboratório (grupo de estudo e aulas de práticas corporais e vocais) e a trajetória da autora da tese como atriz. Em todas essas linhas, houve necessidade de olhar o quadro de maneira mais ampla. Por acreditar que voz é corpo, necessitou-se lançar a luz sobre qual é o corpo que se dispõe ao processo artístico. A partir daí, houve algumas reflexões que põe a vida do ator como elemento central de sua arte: a vida que predispõe o corpo e a voz à ação. Por tratar-se da arte de forma subjetiva e destacar intencionalmente o caráter pessoal que existe em cada processo de criação, esta pesquisa foi escrita com interferências poéticas que relatam a trajetória da atriz/pesquisadora quando em contato com as questões que fundamentam a hipótese geradora. A pesquisa faz o trajeto que vai desde a discussão teórica sobre o ser humano que se dispõe à arte até a elaboração de procedimentos para prática vocal que podem ser utilizados como metodologia para um contato diferenciado com o texto

Abstract: The present research deals with the hypothesis that imagination is an element that links body and voice and can be the starting point for a practice ruled by the freedom of vocal lab. Here, are presented some issues about the use of vocal technique as artistic goal at the expense of the free experimentation be stimulated so that voice and body reach new expressive possibilities. The need for study in the field of voice in stage that goes beyond the technique came from the statement that "voice is body "often does not resonates in the labs of vocal practice. Actors tend to experience a voiceless body to later append a voice mentally processed. The result is a segregation body and voice that clearly appears on the scene and compromises the vocal action, reducing it to a vocal emission effective for the running of the informative speech, but ineffective in expanding the sense of the scene. This investigation was conducted on three main areas: the theoretical references, the observation of actors in the laboratory (group of study practices and classes of body and voice) and the trajectory of the author's thesis as an actress. In all of these lines, was no need to look at the picture more widely. Believing that voice is body required to throw light on what is the body which features to the artistic process. From there, there were some reflections that puts life of actor as a key element of their art: the life that disposes the body and voice to action. For being a subjective way of look to art and deliberately highlight the personal nature that exists in each creative process, this research was been written with poetic interference to report the trajectory of actress / researcher on contact with the questions which underlie the hypothesis. The research is the way that goes from the theoretical discussion about the human being who features to the art until the development of procedures for vocal practice that can be used as a methodology for a distinctive contact with the text
Subject: Voz - Educação - Exercícios
Laboratórios
Imaginação
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Diniz_LianaFerraz_D.pdf2.74 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.