Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/284496
Type: TESE
Title: O zoológico entendido como paisagem contemporânea
Title Alternative: The zoo understood as contemporary landscape
Author: Venturini, Rachel de Castro
Advisor: Ribeiro, Lucia Eustachio Fonseca, 1960-
Abstract: Resumo: A pesquisa aqui apresentada busca o entendimento, sob o ponto de vista das Artes Visuais, do processo criativo dos recintos expositivos pertencentes à exposição "O Caminho da Serpente". Sediada na Fundação Parque Zoológico de São Paulo (FPZSP), essa mostra é direcionada para a manutenção e exposição da população de serpentes pertencente à Fundação. Contudo, o seu objetivo não se limita a apresentar ao público espécimes nativos e exóticos em um cenário "bonito" e, sim, construir um ambiente propício ao bem-estar dos animais, bem como a vivências que resultem na educação ambiental e no vínculo positivo do visitante com as serpentes. Dentro desse projeto expositivo abrangente, encontra-se o objeto de estudo: o processo de criação coletivo e multidisciplinar de ambientações realistas, fundadas na representação de um habitat selvagem, e destinadas à manutenção e exposição de um ser vivo. E considerando que a pesquisa está imersa em um contexto de interface entre áreas, abarcando a criação em artes visuais, bem como o universo dos zoológicos, optou-se por abordar e discutir esse mesmo objeto, a partir de um elemento que sempre se manteve como campo propício de englobar a criação, identificado como mediador de ambos os universos e constantes em todo o processo: a paisagem

Abstract: The research presented here seeks to understand, under the point of view of the Visual Arts, the creative process of exhibition venues belonging to the exhibition "O Caminho das Serpentes". Headquartered in the Zoological Park of São Paulo, this show is directed to the maintenance and exposure of the population of snakes belonging to the Foundation. However, its goal is not limited to present to the public native and exotic specimens in a "beautiful "scenario, and yes, build an environment favorable to the welfare of animals, as well as the experiences that result in environmental education and the positive bond of the visitor with snakes. Within this extensive exhibition project, is object of study: the processes of creating collectives and multidisciplinary realistic ambientations, based on the representation of a wildlife habitat and designed to the maintain and exposure of a living being. And considering that research is embedded in a context of interface between areas, encompassing the creation in visual arts as well as the world of zoos, it was decided to address and discuss the same subject, from an element that always kept as favorable field to encompass creation, identified as a mediator of both universes and constant throughout all process: the landscape
Subject: Improvisação (Representação teatral)
Paisagens
Jardins zoologicos na arte
Criação (Literária, artística, etc.)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Venturini_RacheldeCastro_M.pdf5.91 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.