Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/284047
Type: TESE
Title: Caminhante, não ha caminho. Só rastros
Title Alternative: Walker, there is no path. Only traces
Author: Colla, Ana Cristina, 1971-
Advisor: Sperber, Suzi Frankl, 1939-
Abstract: Resumo: O presente projeto se desdobrou entre o território da prática e o da escrita. Duas linhas de investigação paralelas e complementares, possíveis no trabalho do ator. Após dezessete anos de pesquisa coletiva no Lume como atriz pesquisadora, tornou-se urgente vivenciar um novo desafio, colocar-me novamente em situação de risco, experimentar um processo prático de pesquisa que conduzisse a uma ressignificação de meus códigos corporais e à ampliação dos mesmos. Propus-me a construção de um espetáculo solo sob a orientação e direção do dançarino de Butoh Tadashi Endo, cujo mote criativo foram memórias de infância. Após meses de investigação deu-se origem ao espetáculo "Você", nossa narrativa poético-prática. Foram realizadas, até o momento, 39 apresentações públicas, nas cidades de São Paulo, Goiânia, Araraquara e Campinas. Quando nos propomos a uma narrativa escrita sobre um processo de criação de um espetáculo teatral e os procedimentos que envolvem essa investigação e a apresentação cênica resultante desse processo, nossa narrativa da cena, circulamos entre duas narrativas distintas, cujos receptores também possuem diferentes expectativas: os que acessam através da escrita, esperam encontrar "viabilidade", comprovação, verossimilhança, nos procedimentos aplicados e o receptor da poética cênica pretende ser encantado. Racional e sensível. Como unir as duas vias na narração escrita, sendo também ela uma criação poética capaz de seduzir, conduzindo o leitor aos meandros da criação, associando a ela a informação, compreensível em si? O que se ambicionou foi que através da narração dos fatos se desse a organização dos procedimentos da experiência adquirida e na vivência das experiências a construção da memória do corpo, na organização dos procedimentos sua repetição e possível transmissão. Experiência, narração e informação. Imagem e memória. O ator que se propõe a escrever sai da cena para integrar outros papéis, o de narrador de uma experiência particular e única, do qual é parte integrante. Qual é a narrativa possível foi uma das buscas desse projeto. Como organizar procedimentos de maneira a auxiliar sua visualização, análise e avaliação bem como sua transmissão, mantendo o princípio do frescor da experiência? Elaborar uma narrativa, também ela, capaz de provocar uma experiência em quem a recebe. Organizar uma experiência singular de maneira a ser plural

Abstract: This Project developed itself among territories of practicing and writing. Two parallel ways of investigation, possible in the actor's work. After 17 years of collective research at "Lume" as a researcher actress, turned out urgent to live a new challenge. To put myself again in a risky situation, to experiment a practical research process that led me to a new position of my body codes and their enlargement. I propose myself to the creation of a solo show under the direction and orientation of a Butoh's dancer - Tadashi Endo - which creative motives were childhood memories. After some months of investigation the show "You" was created, our poetic and practical story. Until this moment, 39 public shows were presented in the following cities: Sao Paulo, Goiania, Araraquara and Campinas. When he propose ourselves to a written narrative about a creative process of a theatric show and all the procedures that involves these investigations and the scenic presentation that results from this process, our narrative scenes, we went through two different narratives which also have two different expectations: those that have the access of the writing expect to find viability, proves and similarity in the applied procedures. And the receptor of the scenic poetry intends to be enchanted, rationally and sensitively. How can you put together these two ways of written narrative which are also the poetic creation, able to seduce, leading the readers to the ways of creation, and associating these ways to the information comprehensive in itself? The ambition was that through the narrative of the facts, the organization of the procedures of the experiences could happen, and in living these experiences, the construction of the body memory, their repetition and possible convey. Experience, narrative and information. Image and memory. The actor that proposes to write gets out of the scene to integrate other parts, the part of the narrator of a unique and particular experience that makes him a full part of that. The possible narrative was one of the searches of this project. How to organize procedures in a way that could help its view, analysis and evaluation, as much as it's convey keeping the principle of the experience freshness? To elaborate a narrative that it's also able to cause an experience to the one that receives. To pass through a singular experience and turn it in a plural way
Subject: Representação teatral
Teatro - Pesquisa
Atores
Improvisação (Representação teatral)
Butô
Voce (Peça teatral)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Colla_AnaCristina_D.pdf8.18 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.