Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/284032
Type: TESE
Title: Khamaileon : fantasia para violão e orquestra de Almeida Prado
Title Alternative: Khamaileon : fantasy for guitar and orchestra by Almeida Prado
Author: Scarduelli, Fabio, 1977-
Advisor: Fiorini, Carlos Fernando, 1970-
Abstract: Resumo: Khamailéon é uma fantasia para violão e grande orquestra do compositor paulista Almeida Prado (1943). Trata-se de sua primeira obra para o instrumento, dentro de uma produção que envolve ainda peças solo e camerísticas. Foi escrito em 1970, na época em que o autor realizava estudos com Olivier Messiaen em Paris. Sua linguagem é atonal, com influências estéticas da vanguarda européia pós anos 50. Seu título se refere ao mimetismo de materiais que ocorre entre violão e orquestra, assim como um camaleão assume cores ao seu entorno. Khamailéon nunca foi tocado e seu ineditismo se deve a fatores diversos, dentre eles as condições nas quais se encontra o manuscrito, única fonte até então existente. Assim, nosso trabalho tem como objetivo principal incentivar e possibilitar a sua execução, através da revisão e digitalização da partitura e de uma discussão que envolve aspectos históricos, estilísticos, estruturais e interpretativos. Está dividido em quatro capítulos, cada um deles apresentando resultados específicos. O primeiro contextualiza o compositor e a obra, do ponto de vista histórico-estilístico em relação ao período entre as décadas de 1950 e 1970. Já o segundo investiga cada um dos seis movimentos em seu aspecto estrutural, com o intuito de desvendar o procedimento de mimetismo dos materiais. O terceiro apresenta a primeira edição, crítica e revisada, com todas as alterações devidamente argumentadas. E por último, o quarto capítulo traz nossa concepção interpretativa, fundamentada nos conteúdos desenvolvidos nos capítulos precedentes.

Abstract: Khamailéon is a fantasy for guitar and orchestra by Brazilian composer Almeida Prado (b. 1943). This is the first work he wrote for this instrument, within a repertoire that encompasses both solo and chamber pieces. It was written in 1970, when the composer was studying with Olivier Messiaen in Paris. It has an atonal language, with post-1950 European aesthetic influences. The piece's name refers to the mimetism in the materials between the guitar and the orchestra, as a chameleon assimilates the colors around it. Khamailéon has never been performed due to a number of factors, not least of which are the conditions of the manuscript, its only existing source so far. Thus, our work mainly aims to encourage and enable its performance through the review and digitalization of its score and a discussion involving its historical, stylistic, structural and interpretative aspects. This dissertation is divided into four chapters, each of which presents specific results. The first chapter contextualizes the composer and his work, from a historical-stylistic point of view, regarding the period between the decades of 1950 and 1970. The second focuses on the structural aspects of each of the six movements, in order to unveil the process of mimetism in the materials. The third presents the first edition, critical and revised, with all the changes properly justified. At last, the fourth chapter presents our interpretative conception, based on the contents developed in the earlier chapters.
Subject: Prado, Almeida, 1943-2010
Música brasileira
Prática interpretativa (Música)
Violão
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2009
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Scarduelli_Fabio_D.pdf56.68 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.