Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/284031
Type: TESE
Title: Perspectivas analiticas e interpretativas na obra para piano de Arnold Schonberg
Author: Zaghi, Rogerio
Advisor: Martin, Mauricy Matos, 1955-
Abstract: Resumo: Esta dissertação, apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Artes da Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP, destina-se a cumprir parte dos requisitos para a obtenção do título de Mestre em Artes, na área de concentração em Música. Com o título Perspectivas Analíticas e Interpretativas na Obra para Piano de Arnold Schönberg e constituída de volume único, traz cinco capítulos dedicados à obra de Schönberg, com destaque especial para o conjunto de peças escritas para piano solo. Em Arnold Schönberg: legado de contribuições para uma nova estética musical (Cap. 1), a obra de Schönberg, como um todo, é brevemente apresentada. Ainda nesse capítulo, um item destinado especificamente ao piano traz informações sobre o pequeno, porém fundamental conjunto de peças que configuram sua obra completa para piano. Nos capítulos centrais (Cap. 2, 3 e 4), aspectos ligados aos elementos que estruturam a linguagem do compositor foram explorados de diversas maneiras: em O motivo como elemento gerador e unificador do discurso musical da Peça para Piano, Op. 11, no 1 (Cap. 2), o tratamento motívico é investigado, trazendo à tona aspectos inovadores da linguagem atonal-livre em comunhão com procedimentos encontrados na tradição tonal;em O Método Dodecafônico, sua descoberta e a aplicação na primeira obra inteiramente dodecafônica: a Suíte para Piano, Op. 25 (Cap. 3), o Método de Composição com Doze Sons é investigado pelo estudo de suas origens, de aspectos técnicos específicos até a localização do conjunto serial no Präludium da Suíte, Op. 25. Forma e tradição na estruturação do discurso musical das Cinco Peças, Op. 23 e da Suíte, Op. 25 (Cap. 4) abre com uma breve análise das Cinco Peças, Op. 23, abordando o princípio estrutural em que cada uma está sedimentada, além de apresentar um esquema sintético de sua estrutura formal. Na Suíte, Op. 25, procede-se a uma comparação com a forma suíte do período barroco. Investigam-se os movimentos de dança e descortinam-se suas ligações profundas com essa forma tradicional. Em Aspectos relevantes na interpretação e execução da obra para piano de Arnold Schönberg (Cap. 5) suscita-se o paradoxo referente à imensa quantidade de estudos e investigações a respeito de sua obra em oposição à pequena freqüência da sua execução. Com base tanto nos escritos do compositor, quanto nas análises feitas nos capítulos anteriores, revelam-se elementos que podem auxiliar o intérprete-pianista da obra de Schönberg. Dois anexos com partitura integral complementam o trabalho: o primeiro com o Drei Klavierstücke, Op. 11, no 1, e o segundo com o Klavierstücke, Op. 11, no 2, este último a Konzertmässige Interpretation von Ferrucio Busoni. Mediante as Considerações Finais, apresento questionamentos decorrentes de toda a investigação realizada. Segue-se a Bibliografia, que fundamenta essa pesquisa

Abstract: This thesis, presented to the Fine Arts Post Graduate Program of the University of Campinas / UNICAMP, intended to fulfill part of the requirements for obtaining the Master in Fine Arts, in the field of Music. With the title Analytic and Interpretive Perspectives in Arnold Schönberg Piano Oeuvre and composed of a single volume, brings five chapters dedicated to Schönberg's work, with particular attention to the pieces written for piano solo. In Arnold Schönberg: legacy of contributions to a new musical aesthetics (chapter 1), Schönberg's body of work,as a whole, is briefly presented. Still in this chapter, an item specifically destined to piano brings information about the small, but fundamental group of pieces that configure his complete work for piano. In the central chapters (chapter 2, 3 and 4), aspects related to the composer's language structure were approached in different manners: In The motif as a generator and unifying element to the musical speech of the Piano Piece, Opus 11 nº 1 (Chapter 2), the motivic treatment is investigated, bringing to surface the innovating aspects of the atonal-free language in communion with procedures found in tonal tradition; in The dodecaphonic Method, its discovery and application in the first completely dodecaphonic piece: the Piano Suite, Opus 25 (Chapter 3), the Twelve-Tone Technique is investigated through the study of its origins, from specific technical aspects to the localization of the serial assemblage in the Präludium of the Suite, Opus 25. Shape and tradition in the structuring of the musical speech of the Five Pieces, Opus 23 and The Suite Opus 25 (Chapter 4) begining with a brief analisis of the Five Pieces, Opus 23, approaching the structural principle in which each one is built, in addition to present a sinthetic scheme of its formal structure. In the Suite, Opus 25, incurring in a comparison to the suite's form in the Baroque Period. The dance movements are investigated and its deep connections to this traditional form unfold. In Relevant aspects in interpretation and execution of the piano piece of Arnold Schönberg (Chapter 5) allures the paradox concerning the immense quantity of studies ans investigations regarding his work and the small frequency of its execution. Supported by the composer's writings, as well as analysis done in the previous chapters, elements that may help the pianist-interpreter of Schönberg's work are revealed. Two annex with full scores complement the thesis: the first one with Drei Klavierstücke, Opus 11, no 1, and the second with Klavierstücke, Opus 11, no. 2, the later with Konzertmässige Interpretation von Ferrucio Busoni. By the Final Considerations, I present questions deriving of the whole analysis. Followed By the Bibliography, which support this essay
Subject: Schonberg, Arnold, 1874-1951
Música - Séc. XX
Piano
Teoria musical
Atonalidade (Música)
Dodecafonismo
Performance (Arte)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:IA - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Zaghi_Rogerio_M.pdf13.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.