Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/283952
Type: TESE
Title: Corpo que age, sente e pensa = dramaturgia do meu corpo e do encontro de duração. Paralelo com a filosofia de Henri Bergson
Title Alternative: Body that do, feel and think : creative process and Bergsonism
Author: Baltazar, Marcia Cristina
Advisor: Lopes, Sara, 1949-
Lopes, Sara Pereira, 1949-
Abstract: Resumo: A partir de uma experiência pessoal de criação do espetáculo TANTAS OUTRAS QUANTAS, solo teatral fundamentado nos métodos de pesquisa do Grupo Lume, esta pesquisa objetiva refletir sobre as condições deflagradoras e o próprio fluxo das experiências de criação. O objetivo é pesquisar: Quais foram as relações entre o agir, o sentir e o pensar nos momentos de improvisação, de codificação, de montagem e de apresentação desse espetáculo teatral. A virtualidade se atualizando. Em tempos de debate sobre a dramaturgia contemporânea; a dramaturgia do meu corpo e a dramaturgia de um espetáculo, não está sendo a virtualidade de alguma forma atualizada e percebida? Para a reflexão sobre a conexão corpo&mente em "estado cênico" faz-se um paralelo com a filosofia de Henri Bergson (1859-1941) e também com José Gil e Gilles Deleuze. Assim, neste paralelo entre Arte e Filosofia, é analisado o processo de criação de ações extracotidianas no Grupo Ínterim (grupo de pesquisa corpo-vocal); a fase de pesquisa de campo e de codificação da "mímesis corpórea"; a criação da dramaturgia da atriz; a montagem do espetáculo junto com outros criadores e as apresentações do solo

Abstract: Starting from the experience of a personal creation of the play TANTAS OUTRAS QUANTAS, a solo based on research methods from LUME theatre, this research intends do produce an analysis about the flux of body and mind during the creational experiences and about the conditions that display this flux. The intention is to respond the following questions: - What were the relations between doing, feeling and thinking during improvisations, codifications, production and publications of this play? - In times of discussion about the pos-dramatic theater, the comprehension of what my body does and the sense of the play, is not the virtuality somehow being brought up-to-date and becoming aware of the body? The reflection about body&mind's connection during an artistic experience dialogs with the philosophy of Henri Bergson (1859-1941) and also with José Gil and Gilles Deleuze. So, in such parallel between art and philosophy, we analyze - the creation of unusual actions in Ínterim Group (a research group in actions and voice) - the period of interviews and codification of "corporeal mimesis" - the creation of the actress's choreography - the assembling accomplished by four artists and the public presentations of the play
Subject: Bergson, Henri, 1859-1941
Dramaturgia do corpo
Improvisação (Representação teatral)
Teatro - Pesquisa
Dança - Filosofia
Diretores e produtores de teatro
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Baltazar_MarciaCristina_D.pdf2.96 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.