Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/283931
Type: TESE
Title: As cores nas capas da Editora Civilização Brasileira da década de 1960
Title Alternative: The colors on the covers of Civilização Brasileira Publisher of the 1960's
Author: Cechinel, Ivan Ordonha
Advisor: Gouveia, Anna Paula Silva, 1964-
Abstract: Resumo: A presente pesquisa tem como recorte a década de 1960, contextualizada por uma atmosfera revolucionária, do ponto de vista social, político, ideológico e cultural este período foi marcante também para o universo editorial. Neste contexto se destaca a Editora Civilização Brasileira, tendo iniciado atividades ao final da década de 1920, viveu seu momento mais importante na década 1960. Sob a direção de Ênio Silveira a editora se tornou reduto de intelectuais de esquerda e berço para inovações no design de livros, especialmente em relação às capas. As análises apresentadas nesta dissertação de Mestrado focam o papel das cores nestas inovações. Realizou-se um levantamento iconográfico de livros da referida Editora produzidos nos anos 1960, foi analisada a linguagem gráfica das capas com ênfase em questões cromáticas. Após esta análise inicial foram selecionadas dez capas para um levantamento de dados, através de questionário estruturado, em que os entrevistados atuaram como colaboradores fornecendo respostas que auxiliaram nas análises das capas. Tendo como base estudos que norteiam a teoria da cor e questões relacionadas ao processo de impressão vigente na época, junto às informações obtidas através dos questionários, comparou-se o resultado com o conteúdo do texto dos livros observando como a cor condiciona a compreensão produzindo direcionamentos que transmitem sensações próximas as que se tem ao ler o conteúdo do texto do livro

Abstract: This research is about the 1960 decade, contextualized by a revolutionary atmosphere of the social, political, ideological and cultural standpoint. Moreover, it was remarkable to the editorial universe. In this contest, the Civilização Brasileira publisher stood out, and it has been the best period since it was founded in the late 1920s. Under the direction of Enio Silveira publisher it has become leftist stronghold of intellectuals and was the cot of innovations in book design, especially about the book covers. The analysis presented in this Master's dissertation focus on the innovations in the color's role that ocurred during this epoch. We conducted a survey about pictorial books produced in 1960 by this publisher and we've analyzed the graphic language of the book covers with emphasis on chromatic issues. After this initial analysis we selected ten covers to use in a research based in a structured questionnaire that was answered by some selected people and the results were used in the analysis of the covers. Based on studies about the color theory and issues related to the printing process from the epoch analysed and using the information obtained through the questionnaire, we've compared the results with the text content of the books analysing of how the color affects our understanding producing directions that transmit sensations that seem to be the same if we compare with the sensations caused by the book read
Subject: Editora Civilização Brasileira
Cor
Livros - Capas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IA - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Cechinel_IvanOrdonha_M.pdf24.13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.