Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/282049
Type: TESE
Title: O salvador politico e a cidade ideal : mito e utopia no extremo norte de Minas Gerais (1950-1980)
Author: Ribeiro, Loredana Marise Ricardo
Advisor: Tronca, Ítalo Arnaldo, 1936-2015
Abstract: Resumo: Este trabalho visa explorar as manifestações do imaginário político brasileiro a partir da reconstrução da trajetória de Antônio Lopo Montalvão. Filho ilegítimo de um grande proprietário de terras no extremo Norte de Minas Gerais, Montalvão teve uma carreira política, nas décadas de 1950 a 1970, marcada pelas características míticas e sobrenaturais que lhe eram atribuídas. Ao mesmo tempo em que Montalvão se sobressaía local e regionalmente como oposição à tradicional política dos coronéis que há décadas controlavam o município, sua trajetória evidencia traços da permanência de ancestrais práticas de dominação. A continuidade e a ruptura, no seu fazer político, são intermediadas pela urdidura mítica que reveste sua imagem na comunidade. Acreditava-se que, apesar de autodidata, ele detinha uma vasta erudição e possuía dons sobrenaturais. Estes atributos lhe conferiam a capacidade de liderar a população e conduzi-la ao futuro desejado de paz social, condizente com os anseios e expectativas do grupo. Para acolher este futuro, negação da realidade experimentada, foi criada a cidade de Montalvânia, onde não haveria lugar para exploração, desigualdade ou miséria. Estas são as três representações imaginárias discutidas na dissertação: a figura do Coronel, o mito político do Salvador e a utopia da Cidade Ideal

Abstract: Tbis work aims atexploring the manifestations of the Brazilian polítical imaginary through the reconstruction of Antonio Lopo Montalvão's trajectory. Illegitimate child of a great land proprietor in the very North of Minas Gerais, Montalvão had a polítical career marked by the mythical and supernatural features that were attributed to him, from the 50's to the 70's. Although Montalvão had a remarkable position as an opponent to the traditional colonel's polícy of the region, bis trajectory evidences strokes of the pennanence of ancestral practices of domination. This continuity and rupture are intermediate by the mythical aspects that coats Montalvão's image in the community. It was a common belíefthat, although self-taught, he also withheld a vast knowledge and had supernatural gifts. These attributes enabled him to lead and guide the population in direction to this group desired future of social peace. In order to receive this future, a negation of the experimented realíty, it was created the city of Montalvânia, where there would have no place for exploitation, inequity or misery. These are the three imaginary representations discussed in this essay: the Colonel's image, the polític myth ofthe Savior and the utopia ofthe Ideal City
Subject: Imaginário
Mito
Coronelismo
Utopias
História social
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ribeiro_LoredanaMariseRicardo_M.pdf12.08 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.