Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/281696
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Organizações sociais no Estado de São Paulo = um estudo de caso sobre uma parceria público-privada na área da saúde
Title Alternative: Social Organizations in State of São Paulo : a case study of a public-private partnership in health
Author: Silva, Pedro Henrique Carinhato e, 1985-
Advisor: Boito Junior, Armando, 1949-
Junior, Armando Boito
Abstract: Resumo: Este estudo tem como objeto o modelo das Organizações Sociais, um paradigma político administrativo introduzido na realidade brasileira durante a reforma do Estado nos anos 90. Trata-se, de uma forma geral, de uma entidade privada não lucrativa que atua em setores outrora públicos, como a saúde, a educação, a cultura, além de outros. A adoção deste modelo significa um passo à frente em um processo de desestatização e diminuição da ação estatal, além do crescimento e favorecimento do setor privado. O estudo buscou apresentar o modelo, seu desenvolvimento e o seu atual estágio, sobretudo no Estado de São Paulo, espaço no qual encontramos uma maior quantidade de Organizações Sociais atuando-nos mais diversos setores. Buscamos ainda problematizar este modelo, trazendo questionamentos acerca de sua viabilidade, com base em trabalhos e reportagens que retratam criticamente diversos aspectos pouco explorados por pesquisas anteriores: malversação de verbas públicas, ausência de participação e descontrole financeiro. Ao cabo deste trabalho, optamos pela realização de um em uma instituição hospitalar sob a gestão de uma OS, para compreendermos como os mecanismos implantados pela entidade privada afetam as relações de trabalho

Abstract: This study has as its object the model of Social Organizations, an administrative-political paradigm introduced in the Brazilian state reform during the90 years. It is, in general, a private nonprofit entity that operates in formerly public sectors such as health, education, culture, and others. The adoption of this model is a step forward in a process of privatization and reduction of state action, in addition to the growth and encouragement of the private sector. The study sought to present the model, its development and its current stage, especially in São Paulo, found space in which a greater number of social organizations working in various sectors. We seek to further problematize this model, bringing questions about its viability, based on the works and stories that depict various aspects critically little explored by previous research: embezzlement of public funds, lack of participation and lack of financial. After this work, we have carried out a case study in a hospital under the management of an OS to understand how the mechanisms deployed by the private entity affect labor relations
Subject: Terceiro setor
Neoliberalismo
Saude publica - São Paulo (Estado)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2012
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Silva_PedroHenriqueCarinhatoe_M.pdf1.11 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.