Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/281619
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: A forma politica do MST
Title Alternative: The political form of the MST
Author: Oliveira, Luciana Aparecida Aliaga Azara de, 1972-
Advisor: Bianchi, Alvaro, 1966-
Mendez, Alvaro Gabriel Bianchi
Abstract: Resumo: A análise dos condicionantes históricos e políticos envolvidos no surgimento e desenvolvimento do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) até a construção de sua organização política constitui o ponto de partida de nossa investigação. A partir dela procuramos entender em que medida o Movimento desvencilha-se do estágio econômico-corporativo que caracteriza seus primeiros anos de existência e elabora uma concepção de mundo adequada às classes subalternas, alçando assim um novo estágio em sua construção histórica ¿ o momento essencialmente político. Neste sentido, pretende-se investigar se o MST assume funções de partido político porquanto incorpora a visão de mundo e elabora a ética e a política adequadas às classes subalternas do campo, assumindo para isto, uma ¿forma¿ partido. Nosso interesse se deve à importância do MST como experiência inovadora da organização política do campo e que, por esta razão, coloca novos desafios para a teoria social e política. Contudo, nossa inquietação se justifica também pela evidente importância da inserção política na relação de forças sociais destas classes historicamente mantidas sob passividade, fenômeno essencial para a efetividade de uma democracia autêntica no Brasil

Abstract: The analysis of the historical and political conditions implicated in the arising and development of the landless Workers Movement (MST) until the construction of its political organization constitutes the initial point of our inquiry. From this we look for to understand how the Movement to get ride of the economic-corporative period of training that characterizes its first years of existence and elaborates an adequate conception of world to the subordinate class, thus arriving at a new period of training in its historical construction - the moment essentially politician. In this direction, it is intended to investigate if the MST assumes political party functions inasmuch as it incorporates the world vision and it elaborates the adequate ethics and the politics to the subordinate class of the field, assuming for this, a party ¿form¿. Our interest justify oneself for the importance of the MST as innovative experience of the political organization of the field and that, for this reason, it places new challenges for the social and political theory. However, our fidget also justify oneself for the evident importance of the insertion politics in the relation of social forces of these historically passive class, essential phenomenon for the effectiveness of an authentic democracy in Brazil
Subject: Gramsci, Antonio, 1891-1937
Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra
Movimentos sociais
Partidos políticos
Organização social e politica do Brasil
Educação
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_LucianaAparecidaAliagaAzarade_M.pdf1.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.