Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/281088
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Sobre casos e casamentos : afetos e "amores" através de penitenciárias femininas em São Paulo e Barcelona
Title Alternative: About affairs and marriages : affections and "loves" through female prisons in São Paulo and Barcelona
Author: Padovani, Natalia Corazza, 1982-
Advisor: Piscitelli, Adriana Gracia, 1954-
Abstract: Resumo: Esta tese analisa relacionamentos afetivos e sexuais tecidos a partir das penitenciárias femininas das cidades de São Paulo e Barcelona. O trabalho considera a prisão como espaço produtivo de relações ponderando, ainda, sobre como os vínculos tecidos a partir da experiência prisional modificam as trajetórias das vidas dos sujeitos que tramam redes familiares, ou fazem família, através de relações de "ajudas" (Piscitelli, 2008) e produção de "substâncias" (Carsten, 2004) trocadas pelas fissuras dos dentros/foras das prisões. A análise está ancorada numa etnografia que, ao longo de sua realização se tornou multissituada. Preocupada em seguir as redes afetivas das interlocutoras da pesquisa, o campo etnográfico, inicialmente centrado numa penitenciária feminina da cidade de São Paulo, foi incluindo outras unidades penitenciárias desta cidade e ainda da cidade de Barcelona. Tal ampliação, decorrente da significativa presença de espanholas detidas em unidades prisionais paulistas, introduziu novas problemáticas da pesquisa articuladas com as agendas dos estudos sobre migrações e trânsitos transnacionais. A ampliação deste espectro analítico conduziu à realização de parte significativa do trabalho de campo feito com brasileiras detidas em penitenciárias femininas catalãs. A análise do conjunto do material etnográfico revelou que para as interlocutoras desta pesquisa, as redes de afeto produzem articulações possíveis frente às relações de poder das prisões. Prisões às quais são agregadas camadas de processos de estado para controle das fronteiras e trânsitos migratórios além de outras formas de gestão das relações, tal como as articuladas através do coletivo de presos do Primeiro Comando da Capital (PCC). As redes de afetos tecidas por entre "casos e casamentos" vividos nas prisões são, portanto, parte constitutiva da articulação política produtora destas instituições

Abstract: The research which this dissertation is based upon sought to analyze the sexual and affective relationships created in female penitentiaries in the cities of São Paulo and Barcelona. The dissertation looks at prisons as a space which produces relationships, focusing in particular on how the linkages created in the prison system modify the life trajectories of those who create or reinforce family networks through the exchange of "help" (Piscitelli, 2008) and "substances" (Carsten, 2004) within the multiple spaces of the prison system (both within and outside of the actual walls of the prison itself). My fieldwork resulted in an ethnography which became multi-sited in its development. Seeking to follow the affective networks created by the women I engaged with during my research, my ethnographic field expanded from one female penitentiary in São Paulo to other prison units in the same city and, finally, to Barcelona. This widening was due to the significant presence of Spanish women detained within the São Paulo system. It ended up creating new research problems linked to migrational and transnational movement studies. The resultant widening of my analytical spectrum, however, also allowed me to carry out significant ethnographic research among Brazilian women in Catalunian prisons. My analysis of this ethnographic material reveals that, for my research interlocutors, affective networks produce possible escapes or axes of agency within the power relations of the prison system ¿ a system which aggregates layers of state control over boarders and migratory flows, as well other forms of relationship management, such as those exercised by the First Capital Command (Primeiro Comando da Capital (PCC)) prisoner collective. The affective networks woven between and during the "sentances and marriages" lived while in prison are thus an extremely relevant part of the productive political processes of these institutions
Subject: Prisões - São Paulo (Estado)
Prisões - Barcelona (Espanha)
Migração
Gênero
Sexualidade
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Padovani_NataliaCorazza_D.pdf6.78 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.