Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/280705
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Branca para casar, mulata para f..., negra para trabalhar : escolhas afetivas e significados de solidão entre mulheres negras em Salvador, Bahia
Title Alternative: White womam to marry, mulatta to make love and black woman to work : affective choices and meanings of solitude among black women in Salvador, Bahia
Author: Pacheco, Ana Claudia Lemos
Advisor: Kofes, Suely, 1949-
Kofes, Maria Suely, 1949-
Abstract: Resumo: Esta tese pretende discutir os aspectos relacionados com as escolhas afetivas e significados de solidão entre mulheres negras em Salvador, Bahia, tendo em vista, particularmente, os critérios de raça e gênero. Para tanto, selecionei como recorte empírico, dois conjuntos de mulheres negras sem parceiros fixos: o primeiro, constitui-se de ativistas políticas, integrantes do movimento de mulheres negras e / ou do movimento negro; e o segundo, de mulheres nãoativistas. Foram selecionadas 25 mulheres de vários segmentos sociais, tais como: trabalhadoras domésticas, professoras, intelectuais, trabalhadoras autônomas. A escolha desse objeto de estudo está baseada em alguns estudos demográficos dos anos 80 e em entrevistas realizadas que apontaram a cor/raça como um elemento precedente na preferência afetivo-sexual de parceiros. Como resultado dessas escolhas, haveria um ¿excedente¿ de mulheres negras ¿solitárias¿, isto é: i) sem parceiros afetivos fixos; ii) sem relações afetivo-sexuais estáveis, em relação às mulheres pertencentes a outros grupos raciais. A fim de analisar como esta premissa se processa em contextos sociais específicos, optei por fazer uma pesquisa qualitativa baseada em observação, entrevistas em profundidade, análise de trajetórias e narrativas. Outras fontes complementares foram utilizadas: revistas, relatórios, recursos fílmicos, dados demográficos, históricos e literários e referências bibliográficas. As questões colocadas são as seguintes: como raça, gênero e outros marcadores sociais operam nas escolhas afetivas das mulheres negras investigadas? Como percebem as experiências da solidão?

Abstract: This thesis intends to argue the related aspects with the affective choices and meanings of solitude among black women in Salvador, Bahia, in view of, particularly, the criteria of race and gender. For in such a way, I selected as empirical clipping, two sets of black women without fixed partners: the first one, consists of politic activists, integrants of the black women movement and or of the black movement, and the second, of women not-activists. Twenty five women of some social segments had been selected, such as: domestic workers, teachers, intellectuals, selfemployer workers. The choice of this object of study is based on some demographic studies of years 80 and on interviews that had pointed color/race as a preceding element in the affectivesexual preference of partners. As result of these choices, it would have an "excess" of "solitaries" black women, that is: i) without fixed affective partners; ii) without steady affective-sexual relations, in relation to women pertaining to other racial groups. In order to analyze how this premise processes in specific social contexts, I opted to making a qualitative research based in comment, interviews in depth, analysis of trajectories and narratives. Other complementary sources had been used: magazines, reports, filmic resources, bibliographical references, and demographic, historical and literary data. The placed questions are the following ones: how race, gender and other social markers operate in the affective choices of the investigated black women? How they perceive the experiences of the solitude?
Subject: Gênero
Raças
Negras
Solidão
Afetividade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pacheco_AnaClaudiaLemos_D.pdf1.4 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.