Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/280660
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Não basta ser mulher, tem de ter coragem : uma etnografia sobre genero, poder, ativismo feminismo popular e o campo politico feminista de Recife-PE
Title Alternative: It is not enought to be a woman, one must have courage : and ethnography about gender, poer, popúlar feminine activism and the feminist political ground in Recife-Pe
Author: Bonetti, Alinne de Lima
Advisor: Gregori, Maria Filomena, 1959-
Abstract: Resumo: Através de uma pesquisa etnográfica realizada na cidade de Recife ¿ PE sobre a experiência militante de mulheres das camadas urbanas de baixa renda, ativistas das causas femininas, essa tese propõe um novo olhar sobre o ativismo feminino, em especial o de caráter popular, buscando novas possibilidades compreensivas para esse fenômeno dentre as quais destaca-se uma combinação peculiar entre gosto pela militância e expectativas de ascensão social. Em vista disso, o campo político parece se configurar, e ser encarado, como um espaço que apresenta potencial para a realização de projetos pessoais e a transformação das condições de vida, revelando uma pervasividade da política na vida cotidiana e a sua ingerência nas relações de sociabilidade e família das ativistas. Para tanto, faz-se necessário compreender a constituição do campo político feminista específico em que se insere. Caracterizado por um sistema de distribuição desigual de prestígio, esse campo pode ser compreendido pela justaposição de duas categorias cruciais: o ¿capital de articulação política¿ e a noção nativa ¿colocar a arapiraca na mesa¿, que conota os atributos de gênero da práxis política local. É no diálogo com os seus códigos e sentidos que novas possibilidades para o ativismo feminino popular surgem. A análise inspira-se na teoria antropológica feminista, priorizando os sentidos de gênero e poder constitutivos do universo investigado

Abstract: Through an ethnographic research carried out in Recife ¿ PE about urban and working class women¿s experience as activists of female quests, this thesis proposes a new view about the female activism, especially the popular-based one, looking for new comprehensive possibilities for this phenomenon, among these, a peculiar combination between the appreciation for activism and the expectation of social ascension. The political ground seems to configure itself in this light, and seems to be regarded as a space that presents a potential for achievement of personal projetcs and transformation of life conditions, revealing a pervasiveness of politics in daily life and its intrusion into activists¿ sociability and family relationships. This is why it is necessary to understand the constituition of the specific feminist political ground where this experienced is located. This ground is characterized by a system of unequal distribution of prestige and can be seen through the juxtaposition of two crucial categories: ¿the political articulation capital¿ and the folk notion ¿to put the a large phallus on the table¿, that connotes gender attributes of the local political praxis. New possibilities for the female popular activism appear in dialogue with its codes and meanings. This analysis inspires itself on feminist anthropological theory, considering the power and gender meanings that constitute the investigated universe
Subject: Gênero
Poder (Ciências sociais)
Feminismo
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: BONETTI, Alinne de Lima. Não basta ser mulher, tem de ter coragem: uma etnografia sobre genero, poder, ativismo feminismo popular e o campo politico feminista de Recife-PE. 2007. 261 p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/280660>. Acesso em: 10 ago. 2018.
Date Issue: 2007
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Bonetti_AlinnedeLima_D.pdf1.5 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.