Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/280625
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: O sertão como dado, São Saruê como aspiração : o documentário O País de São Saruê entre a utopia e a política
Title Alternative: The blackcountry as dantum, São Saruê as aspiration : the documentary O País de São Saruê between utopia and politics
Author: Souza, Shirly Ferreira de
Advisor: Schiavinatto, Iara Lis, 1964-
Schiavinatto, Iara Lis Franco, 1964-
Abstract: Resumo: Um silêncio forçado. Sete anos de interdição (1971-1978) pelo Serviço de Censura e Diversões Públicas do regime militar. Vinte e cinco anos para finalmente ser acessível ao público (1979-2004). Eis a trajetória do documentário O País de São Saruê, de Vladimir Carvalho, lançado em 1971, cujo argumento é marcado pelo olhar sobre o sertão nordestino como uma região subdesenvolvida do país. A principal questão desta pesquisa é compreender essa trajetória à luz da memória e do esquecimento, ou seja, qual a imagem de Brasil que tanto o diretor quanto os censores buscaram deixar (ou ocultar) para as gerações futuras. Para tanto, abordaremos a construção do tema do subdesenvolvimento na narrativa fílmica e em que medida esta revela o engajamento político do diretor; quais as justificativas dos censores para interditar o filme; a repercussão dessa ação censória na imprensa da época; como o filme se apropriou da cultura sertaneja para construir uma narrativa política e ao mesmo tempo lírica e utópica, singular no campo do documentário brasileiro.

Abstract: A forced silence. Seven years of interdiction (1971-1978) by the department of Censorship and Public Entertainment of the military regime. Twenty-five years until finally it becomes accessible to the public (1979-2004). There it is the path of the documentary O País de São Saruê [The Country of Saint Saruê], by Vladimir Carvalho, launched in 1971, which is based on the view about the northern backcountry as an underdeveloped region of the country. The main goal of this research is to understand this path under the light of memory and forgetfulness; that is what image of Brazil that was tried to be left or disregarded by the author as well as by the censors to the future generations. Moreover, we will approach the construction of the theme on the underdevelopment in the filmic writing narrative and to what extension it reveals the director political engagement: what were the justifications of the censors to interdict the film; the consequences of this censor act in the press of the time; how the movie took over the backcountry culture to create a political narrative and at the same time utopian and lyrical, unique in Brazilian documentary field.
Subject: Documentário (Cinema) - História e crítica
Memória
Censura
Utopias
Política cultural
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Souza_ShirlyFerreirade_M.pdf9.39 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.