Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/280340
Type: TESE
Title: Laços de trabalho e redes dos migrantes = um estudo sobre as dimensões objetivas e subjetivas presentes em redes sociais e identidades de grupos migrantes de Serrana-SP e Guariba-SP
Title Alternative: Ties of labor migrant networks : a study of objective and subjective dimensions present in social networks and identities of migrant groups in the Serrana-SP and Guariba-SP
Author: Vettorassi, Andréa
Advisor: Lourenço, Fernando Antonio, 1955-
Abstract: Resumo: Este estudo tem como principal objetivo analisar os processos identitários e redes sociais de migrantes rurais nordestinos em cidades do interior paulista. Para que isto fosse possível, duas cidades de economia sucroalcooleira que recebem anualmente expressivo número de migrantes rurais nordestinos (sazonais ou permanentes) para o trabalho no corte da cana foram analisadas, a saber, Guariba-SP e Serrana-SP. Embora sustentadas pela mesma economia sucroalcooleira e com número semelhante de habitantes, suas figurações sociais são bem diversas, essencialmente em seus aspectos históricos e quando a relação entre os migrantes e a comunidade circundante (que denominamos "nativos") é analisada. O estudo das duas cidades contou com metodologias diversas, como as entrevistas realizadas com migrantes e "nativos" (inclusive, em São Raimundo Nonato-PI, cidade de origem de muitos trabalhadores rurais no interior paulista), pesquisas quantitativas e a aplicação de um método de pesquisa denominado "mapas afetivos". Para a compreensão das diferenças existentes nas cidades estudadas, não apenas pesquisas de campo foram realizadas em Guariba, Serrana e São Raimundo Nonato, como também foi realizado o acompanhamento destes migrantes em uma de suas viagens de volta ao Piauí em um ônibus clandestino. Nesta viagem, foi possível a produção de imagens de vídeo que revelam o cotidiano deste longo trajeto de volta, assim como suas próprias reflexões sobre o mundo rural em que vivem, o trabalho no corte da cana, suas redes sociais e identidades. Da pesquisa descrita acima, pudemos perceber que as redes sociais são fundamentais para os migrantes e são muito fortes entre eles porque em seus locais de origem o Estado não supre todas as necessidades de suas comunidades rurais. Para a garantia de sobrevivência e melhores condições de vida, há uma necessidade muito maior de contar uns com os outros para suprir estas carências. As relações simbólicas e comunitárias são mais eficazes do que as regras e normas institucionais que estão muito pouco presentes em seus locais de origem. Acostumados com estas estratégias simbólicas de sobrevivência conquistadas a partir das redes sociais, estes migrantes as readequaram em seus locais de destino, onde experimentam o preconceito contra suas redes sociais constantemente criadas em busca de melhores condições de vida. Entretanto, este preconceito que os migrantes sofrem, bem como suas redes sociais e identidades, têm inúmeras particularidades de acordo com a contextualização histórica, política, social e simbólica das cidades receptoras. Assim, este trabalho contribui para a reflexão sobre as razões dos deslocamentos feitos pelos grupos migrantes, as razões de uma acolhida diferenciada em Serrana-SP e Guariba-SP e, finalmente, procura compreender as redes sociais, as relações pessoais e a organização destes grupos migrantes a partir de dimensões objetivas e subjetivas

Abstract: This study aims at assessing the identity processes and social networks of rural migrants from the Northeast cities (nordestinos) to cities in the countryside of the state of Sao Paulo. In order to achieve this goal, two cities, whose economy is based on the sugarcane business, receive a significant number of rural migrants from the Northeast annually (seasonal or permanent) to work in the sugarcane fields were analyzed, namely Guariba-SP and Serrana- SP. Although supported by the same sugarcane economy and with similar numbers of inhabitants, their social representation are quite different, mainly in its historical aspects and where the relationship between migrants and the surrounding community (which we call "native") is studied. The study of both cities was based on different methodologies, such as interviews with migrants and natives (including, in Sao Raimundo Nonato, state of Piauí, hometown of many rural workers in Sao Paulo), quantitative research and implementation of a research method called "emotional maps." In order to understand the differences in the studied cities, not only field research was conducted in Guariba, Serrana and Sao Raimundo Nonato, but a monitoring of these migrants and their return to Piauí, by means of illegal transport, was also instrumental. It was possible to produce video images, during said return trip, that reveal the daily life of such a long journey, as well as these migrants' own reflections on the rural world in which they live, work, and their social networks and identities. It was possible to realize that social networks are crucial for migrants and very strong between them, since, in their hometowns, the State does not meet all the needs of rural communities. In order to guarantee their survival and better living conditions, there is a much greater need to count on each other to remedy these deficiencies. The symbolic relations and community are more effective than the institutional rules and norms that are virtually absent in their places of origin. Accustomed to such symbolic strategies of survival conquered from social networks, migrants attempt to adjust them to their destinations, where they experience prejudice against their social networks being constantly created in search of better living conditions. However, this prejudice against migrants, as well as their social networks and identities, present several particularities in accordance with the historical, political, social and symbolic context of the cities affected. Thus, this study contributes with the discussion about the reasons for dislocations by migrant groups, the reasons for different welcoming in Guariba-SP and Serrana-SP, and, lastly, it seeks to understand social networks, personal relationships and the organization of these migrant groups, from objective and subjective dimensions
Subject: Redes de relações sociais
Identidade
Migração
História oral
Trabalhadores da agroindústria açucareira
Memória
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Vettorassi_Andrea_D.pdf36.5 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.