Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/279982
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Historia em campo minado : (a memoria popular revisitada)
Author: Montenegro, Antonio Torres
Advisor: De Decca, Edgar Salvadori, 1946-2016
Decca, Edgar Salvadori De
Abstract: Resumo: História em campo minado é um relato construido a partir da memória popular. Procurou-se estudar que marcas da história oficial, da esquerda, do próprlo cotidiano de vida e trabalho a população tem registradas em sua memória e como estas marcas foram compreendidas e hoje são rememoradas. Uma das questões norteadoras desse trabalho foi, em outros termos, a de resgatar em qual ou quais histórias as camadas populares vivem. Nesse sentido, a história oral se constituiu noreferencial técnico e metodológico, para o trabalho de resgate e produção desse campo documental. Todo o debate em torno da problemática da memórla também se apresentou camo uma referência necessária ao desenvolvimento do caminho então projetado. Um outro balizamento fundante deste percurso foi a idéia de história como combate, disputa. Sobretudo, porque é a partir das representações do passado que se constrói toda uma estratégia de governo, de poder, de sociedade e de futuro. E foi nesse cenário que encontramos as marcas populares de repetição ou de resistência as representações oficiais. Logo tivemos sempre em mente o campo da historia como um campo de luta, de vida emorte; um campo minado. O campo documental que baliza este trabalho foi construido apartir de mais de cem entrevistas. Destas selecionamos aproximadamente vinte, que, em principio, definiram o quadro histórico que passamos a narrar.

Abstract: History a mined field is a report constructed from popular memory. We have attempted to study impressions - fron official history, from the left, and day-to-day community life and work - are registered in the collective momery; how such memories were formed and how they are recollected today. One of the guidelines was the attempt to determine the history, or the histories where the popular classes live. Oral history was the techical and methodological referential which guided the investigation and production of this documental field. All the debate around the problems of studying momory also seved as a point of reference for the development of the projected line of investigation. Another referential was the idea of history as combat, struggle. Mainly because it is from representations from the past that an entire strategy of government, power, society and future is constructed. In this scenery we found the popular marks of repetition or of resistance against official representations. In this perspective, we've always attempted to keep in mind the field of history as a field os struggle, of life and death, a mined field. The documental field delimitating this work was based on more than hundred interviews. From these, approximately twenty were selected, defining, in principle, the historical framework which constitutes the main body of the work.
Subject: Historia oral - Aspectos políticos
Comunismo - História - Brasil
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: MONTENEGRO, Antonio Torres. Historia em campo minado: (a memoria popular revisitada). 1991. 202f. Tese (doutorado) - Universidade Estadualde Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/279982>. Acesso em: 13 jul. 2018.
Date Issue: 1991
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Montenegro_AntonioTorres_D.pdf3.9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.