Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/279465
Type: TESE
Title: Novas fronteiras para a comunicação ativista em rede = um olhar sobre o centro de mídia independente
Title Alternative: New frontiers for activist communication networks : a look on the independent media center
Author: Batalha, Marcelo da Luz
Advisor: Dwyer, Thomas Patrick, 1952-
Abstract: Resumo: Esta pesquisa resulta de uma investigação sobre os repertórios de ação política do Centro de Mídia Independente, uma rede de ativista organizada e distribuída através da rede mundial de computadores. A proposta de investigação dirige-se à relação entre os movimentos sociais e a mídia, no que conforma uma nova estrutura de comunicação e recurso material com o advento da Internet e a sua apropriação pelos movimentos sociais e grupos ativistas. Através do Centro de Mídia Independente se teoriza sobre a cultura hacker, seus fundamentos e orientações morais e éticas de acesso, abertura e compartilhamento coletivo do conhecimento e informação, fundamentados pelo movimento do software livre. Esses princípios éticos e a prática ativista para fins políticos colocam desafios às instituições estabelecidas como os Estados e a mídia de massa. Sobremaneira, essas instituições estão a reorientar a geopolítica do ciberespaço, se justificando principalmente pelos acontecimentos do 11 de setembro, em que se declarou um estado de suspeita e vigilância total sob a ameaça iminente de uma ciberguerra declarada por grupos étnicos e políticos aos Estados. No entanto, as fronteiras do ciberespaço estão mais do que abertas, estão em constante expansão, como atesta os repertórios de segurança e privacidade dos grupos ativistas frente à tentativa de controle das suas atividades online

Abstract: This research stems from an investigation into the repertoires of political action of the Independent Media Center, a network of activist organizations and distributed through a worldwide network of computers. The proposed research addresses the relationship between social movements and the media, which conforms to a new structure of communication and resource material with the advent of the Internet and its appropriation by social movements and activist groups. Through the Independent Media Center is theorizes about the hacker culture, its foundations and moral and ethical guidelines for access, openness and sharing of collective knowledge and information, substantiated by the free software movement. These ethical principles and practice for political activist pose challenges to established institutions like the States and mass media. Overwhelmingly, these institutions are to reorient the geopolitics of cyberspace, is justified mainly by the events of September 11, which declared a state of total surveillance and suspicion under the imminent threat of cyberwar declared by ethnic and political groups to states. However, the boundaries of cyberspace are more than open, they are constantly expanding, as evidenced by the repertoires of security and privacy advocacy groups before the attempt to control their online activities
Subject: Movimentos sociais
Cibercultura
Espionagem
Hacker
Política e cultura
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Batalha_MarcelodaLuz_M.pdf4.42 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.