Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/27941
Type: Artigo de periódico
Title: Pressao sonora gerada por equipamentos sonoros portateis individuais
Title Alternative: Sound pressure level generated by individual portable sound equipment
Author: Santos, Izabella dos
Colella-Santos, Maria Francisca
Couto, Christiane Marques do
Abstract: Introduction:The use of Personal Digital Audio Players can cause hearing injuries, as the sound is generated directly in the ear canal. It is believed that different types of headphones can cause different amplifications, since they cause changes in the volume and resonance of the ear canal according to their depth.Objective:This study aimed to determine the sound pressure to which young individuals are exposed when using Personal Digital Audio Players with two types of headphones: insertion earphones and anatomical insertion earphoneMaterials and methods:This was an experimental study. The probe microphone measurements were made with different headphones in 54 ears (27 young individuals). The resonance peaks were also recorded.Results:A statistically significant difference was observed between the evaluated headphones, showing that anatomical insertion earphones had higher levels of sound pressure than insertion earphones for all frequencies measured. There was no correlation between the resonance peak of the closed canal and the frequency where the highest sound pressure level was obtained. There was a significant difference between ears at some frequencies with the different headphones.Conclusion:It was concluded that anatomical insertion earphones generate a higher sound pressure level than insertion earphones.
Introdução:O uso de equipamentos portáteis sonoros individuais pode ser um risco auditivo, pois o som é gerado diretamente no meato acústico externo. Acredita-se que fones diferentes proporcionam amplificações diferentes, pois causam variações de volume e de ressonância conforme suas inserções.Objetivos:Verificar a pressão sonora a que jovens estão expostos quando fazem uso de equipamentos sonoros portáteis individuais com dois diferentes fones: de inserção e de inserção anatômico.Materiais e métodos:Trata-se de uma pesquisa experimental. Para tanto, foram feitas medições em 54 orelhas de 27 jovens com idades entre 18 e 30 anos, com os dois tipos de fones. Também foram registrados picos de ressonância da orelha externa com e sem fone.Resultados:Observou-se que o fone de inserção anatômico apresenta aumento do nível de pressão sonora estatisticamente significante em comparação com o fone de inserção para todas as frequências avaliadas. Não há uma correlação entre o novo pico de ressonância do meato fechado e a frequência na qual se obteve os maiores níveis de pressão sonora com o fone. Observou-se diferença estatisticamente significativa entre orelhas para algumas frequências com os diferentes fones.Conclusão:O fone de inserção anatômico gera um maior nível de pressão sonora que o fone de inserção.
Subject: Orelha externa
Meato acustico externo
Musica
Adulto jovem
Ear canal
External auditory canal
Music
Young adult
Editor: Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cervicofacial
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.5935/1808-8694.20140010
Address: http://dx.doi.org/10.5935/1808-8694.20140010
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-86942014000100041
Date Issue: 1-Jan-2014
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S1808-86942014000100041.pdf1.48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.