Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/279307
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Fronteira da exploração mineral na Amazônia = o setor mineral e a dinâmica demográfica da mesorregião sudeste paraense
Title Alternative: Frontier mineral exploration in the Amazon : the mining sector and demographic dynamics of the southeastern region of Para
Author: Corrêa, Vinícius Moreno de Sousa, 1984-
Advisor: Carmo, Roberto Luiz do, 1966-
Abstract: Resumo: A exploração mineral na Amazônia deve ser entendida como um dos agentes de ocupação de uma das últimas fronteiras do país. O trabalho analisa a importância do setor mineral nos municípios da Mesorregião Sudeste Paraense, discutindo as implicações demográficas e ambientais decorrentes dos processos associados à atividade econômica. Embora os efeitos agudos dessa atividade sejam cíclicos - com a descoberta, exploração e exaustão das jazidas se sucedendo com velocidade variável - existem medidas de impacto que podem ser apreendidas ao longo do tempo. A descoberta e a exploração de uma jazida são capazes de desencadear processos demográficos, realizando transformações na estrutura populacional, que permanecem presentes mesmo após a diminuição ou o término da exploração. Vestígios desse processo específico de uso e ocupação do solo foram investigados através da composição de duas fontes secundárias em bases de dados georreferenciados. Por um lado, o Ministério de Minas e Energia, através do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), através do Sistema de Informações Geográficas de Mineração (SIGMINE), com as informações exigidas para o licenciamento mineral no Brasil. Por outro lado, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com as variáveis do Censo Demográfico 2000 e da Sinopse do Censo Demográfico 2010, além dos shapefiles com a delimitação espacial dos dados em diferentes níveis de desagregação. Entre os Censos 1991 e 2000, a mecanização da extração mineral reduziu significativamente o volume de trabalhadores ocupados no setor. Mas a dinâmica de "bolha demográfica", rápido ciclo de ocupação e esvaziamento populacional das áreas associadas ao garimpo, é apenas um dos processos possíveis. Na área de estudo, os municípios mais populosos e urbanizados concentram grande parte das áreas outorgadas pelo DNPM. Nesse caso, o volume de minério encontrado e a vida útil das jazidas exploradas foram capazes de atrair grandes investimentos para a região, porém, estes priorizaram a geração de riquezas, ao invés de expandir o acesso aos serviços de saneamento básico. O retrato das condições de vida da população revelou, com base nas características de infraestrutura domiciliar, uma situação de extrema carência na Mesorregião Sudeste Paraense

Abstract: Mineral exploration in the Amazon must be understood as an agent of occupation of Brazilian last frontier. This research analyzes the significance of mining sector in the municipalities of Pará State southeastern region, discussing the demographic and environmental implications arising from the process of occupation by this economic activity. Although the acute effects of this activity are cyclical - with the discovery, exploitation and exhaustion of deposits are succeeding with variable speed - there are impact measures that can be learned over time. The discovery and exploitation of a mineral deposit affects demographic processes, making changes in population structure, which remain even after the reduction or finish of exploration. Remains of that particular process of land use and land cover change were investigated by overlapping two secondary sources of georeferenced databases: the Ministry of Mines and Energy, through the National Department of Mineral Production (DNPM), through a Geographic Information System Mining (SIGMINE) with the information required in the processes required for mining exploration in Brazil. The Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE) provides the variables and the Census 2000 and the Census Summary 2010, in addition with shapefiles with the spatial delimitation of population data at different levels of disaggregation. Between 1991 and 2000 Censuses, the mechanization of mining significantly reduced the number of workers employed in the sector. But the dynamics of "demographic bubble", rapid cycle of occupation and emptying of the areas associated with mining, is just one of possible relationships. In thy study area, the most populated and urbanized municipalities had a higher concentration of areas required for mining industry. In this case, the volume of ore and other minerals found and explored deposits were able to attract large investments to the region, however, they prioritized the creation of wealth rather than expanding access to basic sanitation services. The living conditions defined by the characteristics of household infrastructure revealed an extreme shortage of the population south of Pará
Subject: População - Aspectos ambientais
Qualidade de vida - Pará (Estado)
Minérios - Exploração
Amazônia - Fronteiras - Pará (Estado)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: CORRÊA, Vinícius Moreno de Sousa. Fronteira da exploração mineral na Amazônia = o setor mineral e a dinâmica demográfica da mesorregião sudeste paraense. 2011. 120 p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/279307>. Acesso em: 19 ago. 2018.
Date Issue: 2011
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Correa_ViniciusMorenodeSousa_M.pdf6.23 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.